O início do projeto de arborização do conjunto Paulo Bandeira, no Benedito Bentes, aconteceu num dia simbólico do ponto de vista ambiental: o dia da árvore, comemorado nesta segunda-feira, dia 21 de setembro. Numa solenidade promovida pela Caixa Econômica Federal e prestigiada por moradores e autoridades políticas do Estado, o presidente do Instituto do Meio Ambiente (IMA), ao lado do governador Teotonio Vilela Filho e da presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama), Sandra Menezes, plantou algumas das 15 primeiras mudas de Acássia Japonesa, em frente a algumas casas do complexo. Ao longo da semana, outras 150 árvores serão plantadas.


O conjunto Paulo Bandeira será o primeiro empreendimento popular que o governo do Estado entregará às famílias carentes em Alagoas. Composto por 800 unidades habitacionais, o complexo será também o primeiro, em Alagoas, a ter um projeto ambiental desenvolvido pelo IMA, em parceria com o Instituto de Preservação da Mata Atlântica (IPMA). “Por este projeto, cada casa terá uma árvore.

O IPMA já está fazendo um levantamento das espécies que melhor se adaptam à região e, até novembro, cada família terá uma muda nativa de Mata Atlântica na porta da sua casa”, adiantou Adriano Augusto, afirmando que todas as mudas serão doadas pelo IMA.


Ainda dentro deste projeto ambiental, O IMA transformará uma das casas em “casa modelo”, com móveis e acessórios ecologicamente planejados. “Serão móveis construídos a partir de reciclagem de garrafas PET. Também construiremos um sistema de aquecimento de água com garrafas plásticas e implantaremos calhas para o total reaproveitamento de água das chuvas”, explicou o presidente do IMA.