Divulgação/Setur Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true São Miguel dos Milagres

Empresários donos de hotéis e pousadas denunciam o aumento de assaltos e da violência no município de São Miguel dos Milagres, região litorânea de Alagoas e um dos destinos mais procurados para o réveillon.

De acordo com um morador da região em entrevista ao CadaMinuto, o aumento do tráfico de drogas no município aumentou consideravelmente o número de assaltos a turistas e a pequenos empresários. “Aqui em São Miguel dos Milagres, pessoas trocam coco para consumir crack e outras drogas. A situação está fora do controle”, disse o morador.

Os empresários estão se movimentado para criar um abaixo-assinado e chamar a atenção da prefeitura e dos órgãos de Segurança do estado para que haja uma solução para o problema, principalmente para as festas de  réveillon. “Vamos pressionar para marcar essas reuniões imediatamente para decidir qual a ação que eles devem fazer até o fim do ano”, afirmou um dos empresários envolvidos.

O grupo que representa os empresários locais agendou para semana que vem uma reunião com representantes da Segurança para levar o caso às esferas legais e ver quais as soluções apontadas para a promoção da segurança dos moradores e turistas que visitam o Município.

Invasão à pousada

Na noite desta terça-feira, 06, uma pousada localizada em São Miguel dos foi alvo de assaltantes. Quatro homens invadiram o local, prenderam os proprietários e roubaram o veículo do casal. Um suspeito foi detido.

De acordo com informações apuradas, o grupo chegou ao local em um veículo Gol de cor preta. Ao invadirem a pousada, os criminosos prenderam o dono do estabelecimento juntamente com sua esposa e roubaram uma caminhonete, de placa KIZ-2840/PE que continha mercadorias da pousada.

Leia mais: Assaltantes invadem pousada e roubam carro em São Miguel dos Milagres

Queda do turismo

Segundo um relatório da World Travel & Tourism Council (WTTC) de 2016, o Brasil segue com um número constante de 5 milhões de turistas internacionais por ano desde 1998, enquanto o turismo em outros países cresce há cinco anos consecutivos mais do que a economia global, principalmente nos países em desenvolvimento como a África do Sul.

As causas que provocam a estagnação é de como o país é visto lá fora. O alto índice de violência, crise econômica e desastres naturais como o de Mariana são exemplos de pontos negativos que afastam turistas.

*Estagiário