Crédito: Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Coah Davi Gouveia

Um processo que busca desenvolver habilidades individuais tem auxiliado candidatos a cargos de técnico e de analista judiciário em Alagoas. Com acompanhamento periódico, planilhas de estudo, simulados e técnicas para elevar o foco e a concentração, sessões de “coaching” são a aposta para quem quer chegar ao serviço público.

O coach e especialista em metodologia ATC Davi Gouvêa explica que o “coaching” para concursos tem como principal proposta encontrar a melhor estratégia até a aprovação e, dessa forma, evitar o que ele classifica como “perda desnecessária de energia”.

“Durante o processo, nós vamos desenvolver os talentos, os recursos internos que cada um tem. Nosso objetivo é aprimorar o nível de desempenho, o foco e a responsabilidade com a escolha feita. Também são apresentadas técnicas de estudo, organização e distribuição da matéria em planilhas periódicas de estudo”, explica.

O acompanhamento inicial acontece em 12 sessões, distribuídas em seis meses. O coachee, como é chamado o concurseiro assistido pelo técnico, participa de uma sessão a cada 15 dias, na qual seus resultados são mensurados, avaliados e ajustados de acordo com o desempenho individual de cada candidato, segundo Davi Gouvêa.

E para quem é indicado o acompanhamento com coaching? Segundo o especialista, não há um perfil único. No entanto, de uma maneira geral, a técnica se aplica aqueles que querem elevar o nível de desempenho em provas de concursos.

“O coaching é útil para diversos perfis. Algumas pessoas tem um nível de disciplina muito alto. Mas, mesmo essas pessoas, quando se sentem desafiadas, podem se superar. Vale ressaltar, no entanto, que parte das pessoas não apresenta um nível de disciplina elevado. Então, com uma metodologia clara, ela tende a obter resultados positivos”, acrescenta.

O COACH

Davi Gouvêa é analista do Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas, coach formado pela Sociedade Latino Americana de Coaching e mestre em Direito pela Universidade Federal de alagoas. Além de coach e professor, Davi Gouvêa atuou como técnico do Tribunal Regional Eleitoral e do Tribunal Regional do Trabalho de Alagoas e como analista no TRE de Pernambuco.

INFORMAÇÕES

Informações sobre o coaching para técnicos e analistas podem ser obtidas pelos telefones (82) 99605-7568 ou (82) 3026-1774 ou pelo sitewww.atcjur.com.br.