Pinacoteca Universitária apresenta “A lágrima das coisas”

  • 29/09/2016 10:13
  • Geraldo de Majella

Foto:Rose Dias

Objetos ganham significados nas obras da artista plástica alagoana Hilda Moura

 

A artista Hilda Moura traz aos salões da Pinacoteca Universitária a exposição “A lágrima das coisas”. No dia 29 de setembro, a partir das 20h, o público poderá conferir uma série inédita de pintura sobre tela e sobre papel, além de duas instalações que irão compor a mostra. Seus novos trabalhos abordam a relação entre a infância e a maturidade.
Para tratar essa relação em suas pinturas, os objetos são dotados de um forte significado simbólico: eles expressam sentimentos, revelam o silêncio e o distanciamento existentes nas relações humanas. São a tesoura, a linha, a agulha que se assinalam como entraves à comunicação entre a criança e o adulto, o que fomos e o que pretendemos ser. “É por meio da pintura que esses objetos ganham significado”, afirma Hilda.
Além dos objetos, a artista nos apresenta elementos da fauna e da flora – sempre presentes em suas pinturas – que se misturam ao corpo feminino, mostrando-nos um mundo que não necessita de racionalização. Um olhar à fragilidade das relações, aos contrastes e conflitos que permeiam a vida humana. A exposição “A lágrima das coisas” convida o público a um universo em que a delicadeza e a profundidade conversam entre si.
“A lágrima das coisas” é a segunda exposição individual da artista Hilda Moura, que já realizou a mostra “Hábito” na Galeria Sesc Maceió, em 2015.

Bienal do Distrito Federal

Recentemente a artista foi selecionada na categoria Pintura, com a obra intitulada “Eva”, para compor a Bienal de Arte Contemporânea do Distrito Federal 2016, promovida pelo Sesc DF. A artista alagoana Hilda Moura destaca-se entre os 40 trabalhos artísticos que representam predominantemente o eixo Rio-São Paulo.

Sobre a artista

A artista alagoana Hilda Moura teve as primeiras aproximações com o desenho e a pintura na década de 1990. Dedicou-se também, durante dez anos, ao aprendizado da cerâmica, através dos ensinamentos do Mestre Deda. As experimentações dessa época contribuem decisivamente com as mudanças, que ocorrem na posterior retomada da pintura. Atualmente, a artista desenvolve técnicas mistas com o uso de óleos, acrílicos e ceras em suas novas séries.

Serviço

O quê: Exposição “A lágrima das coisas”, da artista plástica Hilda Moura
Local: Pinacoteca Universitária, localizada no 1º andar do Espaço Cultural Universitário Salomão de Barros Lima, Pç. Visconde de Sinimbu, 206 – Centro – Maceió – AL
Abertura: 29 de setembro de 2016, às 20h
Visitação: 30 de setembro a 18 de novembro de 2016, de segunda a sexta, das 8h30 às 18h
Mais informações: (82) 3214–1545 e https://www.facebook.com/pinacotecaufal
Informações sobre a artista: http://www.hildamoura.com/ e http://fb.com/ateliehildamoura