Foto: Agência Senado/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Senador Renan Calheiros

Em entrevista à imprensa na tarde desta terça-feira, 20, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB) disse que a Lava Jato não pode apresentar denúncias por “exibicionismo”.

Também citado na Lava Jato, Calheiros criticou a denúncia feita pelo MPF contra o ex-presidente Lula e defendeu que a operação é responsável por separar o joio do trigo.

“Ela tem a responsabilidade de acabar com esse exibicionismo, fazer denúncias que sejam consistentes. Acabar com o exibicionismo que nós vimos agora no episódio do ex-presidente Lula e vimos em outros episódios, porque isso, ao invés de dar prestígio ao Ministério Público, retira prestígio do Ministério Público”, afirmou.

"É preciso fazer denúncias, investigar, mas que tenham começo, meio e fim, que sejam consistentes, e não fazer denúncias por mobilização política, porque com isso o país perde, as instituições perdem também”, insistiu Calheiros.