Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Foi negado de forma unânime, no último dia 06/09, pelo pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas o registro do Partido Nacional Corinthiano no Estado. Conforme o julgamento, o partido não cumpriu os requisitos exigidos na legislação eleitoral em relação à documentação necessária.

Entre outras exigências, o PNC teria que comprovar, por meio de listas válidas, 0,1% dos votos válidos para a Câmara dos Deputados no último pleito.

Lembrando que o Corinthians não apoia o partido. Em nota, o clube repudiou o "uso oportunista do sentimento corintiano" e disse que não haverá apoio.