Foto: Ascom/ALE/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Cícero Cavalcante

Devido a matéria publicada no site do CadaMinuto, pelo blog do jornalista Kléverson Levy, o deputado estadual, Cícero Cavalcante (PMDB), disse que a intenção não é de perseguição ao servidor que não vote na sua filha e candidata à Prefeitura quitundense, Fernanda Cavalcante (PMDB), e sim, de mostrar “que vai trabalhar para mostrar que eles votarão errado”.

Leia mais: Deputado diz que se filha vencer eleição "dá o troco" em funcionário contra 

De acordo com o deputado, “quando digo que vamos dar o troco naqueles que não votar na gente, é me referindo que estão votando errado, pois nós vamos trabalhar pelo servidor público, trabalhar pela educação, pela saúde. A Fernanda vai fazer isso. Vai pagar rigorosamente em dia o salário do servidor público, pagando as gratificações e tudo que ele tem direito”, disse Cícero Cavalcante.

Ainda segundo o deputado, “ela (Fernanda) vai tratar o servidor público como sempre tratei. Nunca com perseguição, pois nunca persegui um funcionário. Eu sempre respeitei o servidor público e Fernanda vai fazer da mesma forma. Essa é nossa meta”. E repete, “Então será dessa forma, quando digo que vamos dar o troco é para mostrar que estarão votando errado, pois ela é a nunca que tem condições de trabalhar pelo servidor público e é a única que tem condições de trabalhar pelo município de São Luiz do Quitunde”, concluiu Cícero Cavalcante.