Arquivo/Cada Minuto Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Maurício Quintella

Ontem uma fiscalização de rotina pela Auditoria Fiscal do Trabalho, ligada ao Ministério do Trabalho e Emprego, encontrou irregularidades “inacreditáveis” no Aeroporto Zumbi dos palmares em Maceió, entre as 15 infrações o auditor constatou um risco de explosão iminente pela forma como se abastecia os caminhões que levava o combustível as aeronaves.

O que torna o caso ainda mais inacreditável é que o ministro responsável pela Infraero é alagoano, e passou a semana postando em suas redes sociais que houve uma melhora na qualidade de atendimento nos aeroportos do Rio e de São Paulo.

A Labafero agora espera que Mauricio Quintella explique, não só em suas Redes Sociais, como o Aeroporto de Maceió chegou a esta situação caótica.