Foto: Ascom/ALE/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Deputado Rodrigo Cunha

 

Durante a discussão sobre o pacote tributário que está sendo apreciado na Casa de Tavares Bastos, o deputado Rodrigo Cunha (PSDB) pode ter entrado em uma saia justa ao falar sobre a crise nos municípios e afirmar que muitos prefeitos não sabem gerir. “É difícil administrar uma microempresa, quanto mais uma prefeitura”.

Jó Pereira (DEM) e Bruno Toledo (PSDB) saíram em defesa dos gestores.

“Não há gestão para falta de recursos”, alfinetou a deputada, reforçando que os municípios atravessam uma crise sem precedentes: “Afirmo com absoluta certeza que o problema não é só gestão”.

Toledo foi além e disse que os prefeitos alagoanos mereciam, cada um, uma Comenda de Tavares Bastos em reconhecimento aos esforços que estão fazendo. “Não é incompetência. Eles convivem com o caos, ao ponto de não poderem pagar as folhas”, pontuou.

O tucano convidou o correligionário a participar da próxima reunião na Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), para que Cunha veja o que os prefeitos estão passando.

Os prefeitos entraram na conversa depois que o deputado Ronaldo Medeiros (PT) defendeu a agilidade na apreciação do pacote, argumentando, entre outras coisas, que grande parte dos recursos irá para os municípios.

“É importante preocupação com prefeitos, mas nossa maior preocupação deve ser com a população”, resumiu Cunha.