O secretário de Saúde do estado de Santa Catarina, Luiz Eduardo Cherem, se reuniu hoje (4) com os secretários do Paraná, Gilberto Martin e do Rio Grande do Sul, Osmar Terra, para a definição de ações conjuntas no combate à influenza A (H1N1) gripe suína.Na reunião, realizada no município de Esteio (RS), os secretários decidiram pedir ao Ministério da Saúde um tratamento diferenciado no possível enfrentamento de uma segunda onda da doença, em 2010. O pedido deve estabelecer, ainda, que os três estados tenham, no mínimo, o dobro da cobertura de vacinas dos demais. A realização de estudos do perfil epidemiológico da doença, para estabelecer um critério de cobertura vacinal, e a realização de uma oficina entre os profissionais de saúde também foram medidas anunciadas durante o encontro.anta Catarina confirmou hoje que o número de mortes causadas pela doença subiu para 42. No Paraná, a influenza A (H1N1) gripe suína já matou 209 pessoas e, no Rio Grande do Sul, o número chega a 109.