A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) adotou medidas preventivas para reforçar o abastecimento de água neste verão em todo o Estado. Para atender à demanda, que aumenta consideravelmente nesta época do ano, a Casal está adquirindo novos equipamentos, como conjuntos motobombas, tubulações e conexões, além de reforço de poços para aumentar a produção de água.

De acordo com o vice-presidente de Gestão Operacional da Casal, Álvaro Menezes, o crescimento no consumo de água no verão ocorre devido ao calor e ao aumento do fluxo de turistas em Alagoas. “Nesse período, os problemas de falta de água se agravam. Temos redes de distribuição de água antigas, que ficam obstruídas, a pressão diminui. Tudo isso num período em que o consumo aumenta. Já estamos nos preparando para minimizar esses contratempos”, diz. Segundo Menezes, a média consumida por unidade é de 14m³ no período do inverno e no verão esse número aumenta para 18m³ por imóvel.

A Companhia também estará reforçando o abastecimento de água no Benedito Bentes e Tabuleiro do Martins, com a implantação de poços e bombas de maior capacidade em Estações de Tratamento de Água (ETAs).

Varredura — A Companhia anunciou também que no próximo mês vai realizar uma auditoria comercial em Maceió para combater as irregularidades. Segundo Menezes, equipes lotadas nas Unidades de Negócio da Casal no interior do Estado virão para a capital para ajudar na varredura. “Vamos remanejar grupos do interior, porque eles não têm vínculos com o município, para fazer uma varredura em toda a Zona Baixa 1 para corrigir irregularidades comerciais”, avisou Álvaro Menezes, ressaltando que a Companhia estima recuperar 20% de arrecadação após a ação.

A região que vai passar pela auditoria abrange os bairros que vão do Poço até Cruz das Almas, é dividida em seis setores comerciais e possui cerca de 40 mil contas emitidas pela Casal.