Durante o café da manhã do Governador Teotônio Vilela, promovido aos jornalistas de Alagoas, Téo fez um duro discurso contra o Sindicato dos Professores de Alagoas (Sinteal), deixando parecer que não haverá nenhum acordo diante ameaça de greve geral programada para a próxima segunda-feira.

O governador disse entre outras coisas, que a greve dos professores foi criada dentro do próprio sindicato, e que sua intenção é totalmente política.  Ele ressaltou que há de 30 dias espera algum representante do sindicato  ir à Secretária da Fazenda do Estado pegar toda documentação que mostra a real situação financeira do Estado.

“Porque a imprensa não questiona o município de Maceió, que paga menos do que o estado e não está passando por nenhuma greve”, questionou o governador.

Durante o encontro, Téo Vilela aproveitou para lançar o programa Conversando com Governador, que será apresentado pelo o radialista Elias Ferreira, em um programa onde ele vai responder a questionamentos da população.