A Petrobras e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Alagoas (Sebrae/AL) assinaram uma nova etapa do convênio que possibilita a realização do projeto “Petróleo e Gás de Alagoas”, que tem como objetivo ampliar a participação das micro e pequenas empresas alagoanas (MPE) da Cadeia Produtiva do PVC, Petróleo e Gás Natural no mercado nacional, de forma mais competitiva e sustentável.

O convênio, firmado pela primeira vez em 2006, oferece apoio técnico e disponibiliza cursos de capacitação em mercado e tecnologia, programas de qualificação, segurança, saúde e meio ambiente às empresas participantes da cadeia. A intenção é tornar as MPE alagoanas fornecedoras efetivas ou potenciais de bens e serviços para grandes empresas. De acordo com o gerente da Petrobras em Alagoas, Marcos Gonçalves, cerca de 100 empresas participam do projeto.

O gerente da Carteira de Indústria do Sebrae/AL, Everaldo Figueiredo, afirma que o desafio dessas empresas é trabalhar de acordo com as exigências e demandas do setor. “As MPE precisam de apoio para obter as condições necessárias e oferecer seus serviços. O objetivo do projeto é viabilizar para as empresas os pré-requisitos para se tornarem fornecedores”, ressalta Everaldo.

Participaram da solenidade representantes das instituições parceiras, entre elas, Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Braskem, Algás, Federação das Indústrias de Alagoas (FIEA), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Social da Indústria (Sesi), Universidade Federal de Alagoas (UFAL), entre outras.