"Quiseram silenciar nossos sonhos, mas o que acabaram fazendo foi acordar Alagoas", diz Collor ao oficializar candidatura ao governo

Redação*|
Collor e Leonardo Dias
Collor e Leonardo Dias / Foto: Divulgação

Visando levar esperança aos alagoanos, o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) confirmou, em convenção estadual realizada nesta sexta-feira (05), a candidatura do senador Fernando Collor de Melo ao governo de Alagoas. A decisão da legenda é apresentar um governador comum olhar social e com ações que elevem o estado em áreas como saúde, educação, infraestrutura e emprego e renda.

Um dos maiores aliados do Jair Bolsonaro, Collor reforçou que irá trabalhar, assumindo o governo de Alagoas, para seguir em comunhão com os projetos iniciados na gestão do presidente.

"Quiseram silenciar os nossos sonhos, mas o que acabaram fazendo foi acordar Alagoas, acordar a Nação. Vamos ajudar a concluir sua administração pública, tão afetada nesses últimos anos pela questão terrível da tragédia de Brumadinho, que exigiu muito do governo federal, no auxílio a todos aqueles que perderam entes queridos, que perderam suas casas e que afetou tantas vidas. O presidente enfrenta uma pandemia, dois anos de sacríficio em que demostrou sua preocupação com a população e investiu na compra de 500 milhões de doses de vacina para imunizar os brasileiros", relembrou o senador.

Durante a convenção, Collor reforçou a coragem de lutar para transformar Alagoas, fazendo um estado forte e respeitado que abrace a juventude, dando mais oportunidades, e levando a todos os municípios políticas públicas que modifiquem a vida de todos os cidadãos.

"Queremos fazer de Alagoas o berço da inovação, de tudo aquilo que pudermos realizar para abrir caminhos para que nossos jovens continuem acalentando nos seus corações a chama da esperança. Planejamos um estado acolhedor, um governo que gosta de gente, de conviver com a gente alagoana. Que ouça os seus reclames, conheça as necessidades para poder saciá-las. Um governo com visão de futuro, mas com o olhar social, que tenha sentimento. Que ouça o nosso povo. Um governo que irá trabalhar pela educação, saúde e pelo emprego para todos. Vamos fazer Alagoas crescer e ter investimentos necessários para atender a grande procura do jovem", pontuou Collor.

Collor lembrou dos benefícios criados pelo presidente, como Auxílio Brasil, que a partir deste mês de agosto estará pagando R$ 600 aos cadastrados. "Bolsonaro é o presidente que se preocupa com os mais necessitados. Foram boas ações na presidência ao longo de todo esse primeiro período e ele precisa ser mantido para dar continuidade às ações e defender Deus, Pátria, família, liberdade, em benefício de todos nós", acrescentou.

"Será um governo pautado por essa palavra: Esperança. Vamos semear a esperança em todos os cantos do estado. A caravana verde e amarela estará percorrendo cada um dos nossos municípios para levar a nossa mensagem de que guarde a esperança nos seus corações e mentes. Não haveremos de faltar a vocês, alagoanos. Estamos prontos para enfrentar os desafios, vencer os obstáculos e para realizarmos uma obra administrativa que seja digna do aplauso e do apoio de todos vocês", concluiu.

O vereador por Maceió, Leonardo Dias (PL), que teve seu nome oficializado como vice-governador na chapa encabeçada pelo senador Collor, celebrou a composição e garantiu que juntos farão uma agenda propositiva. "Estamos construindo nossa esperança em torno do senador Collor de trazer dias melhores para nossa Alagoas, com a união com o presidente Bolsonaro para que consiga de fato transformar a nossa terra. Alagoas que carece de um olhar social para seu povo, para diminuir não apenas a desigualdade, mas também levar esperança para as casas das pessoas".

Eduardo Rossiter, presidente estadual do PTB, disse que Collor vendo sendo um grande parceiro de Jair Bolsonaro contribuindo para que as pautas que chegam ao Senado Federal sejam votadas e aprovadas. "Sabemos as dificuldades que ele enfrenta hoje naquela Casa para passar os projetos que foram responsáveis pela sua eleição. Estamos felizes em tê-lo ao nosso lado e certos de que a vitória em Alagoas e no Brasil chegará nas urnas em outubro", finalizou.

A Coligação Alagoas Verde e Amarelo é formada pelo PTB, Partido Liberal (PL) e Partido AGIR.

 

*Com Assessoria

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados