Ricardo Mota
Ricardo Mota

Investigação da PF em Rio Largo deve se estender a outras prefeituras

Ricardo Mota|
O prefeito de Rio Largo, Gilberto Gonçalves
O prefeito de Rio Largo, Gilberto Gonçalves / Foto: Assessoria

Há uma expectativa geral de que a investigação da PF que incriminaria o prefeito Gilberto Gonçalves, de Rio Largo, deve avançar nas suas apurações para outros municípios.

O ponto de partida: a empresa envolvida no suposto esquema, a Litoral Construções e Serviços Ltda, mantém contratos com outras prefeituras do interior do estado - revelou um importante líder político local.

Em tempo

Uma questão ainda merece um maior esclarecimento: quem vazou a investigação da PF, possibilitando ao prefeito Gilberto Gonçalves pedir e obter um habeas corpus no TRF da 5ª Região? (O documento da Polícia Federal já circulava em Alagoas desde o dia 21 de julho; o pedido de HC para Gilberto Gonçalves foi protocolado no dia 22.)

O tema é rico.  

SOBRE O AUTOR

Jornalista, escritor e músico.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados