Blog do Vilar
Blog do Vilar

Joãozinho Pereira parte para o ataque e aponta para ex-governador Renan Filho

Lula Vilar|

No dia de ontem, publiquei aqui no blog, a resposta que o superintendente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), em Alagoas, Joãozinho Pereira deu ao senador Renan Calheiros (MDB) por conta da questão da compra dos “caminhões de lixo”. 

 

O assunto se encontra no blog para que o leitor (a) relembre. 

 

Porém, Pereira não ficou apenas nessa resposta repercutida nesse espaço. 

 

Agora, Joãozinho Pereira – cujo grupo político participou da gestão passada do governo do Estado – partiu para o ataque ao Executivo do ex-governador Renan Filho (MDB). 

 

É válido lembrar que, na gestão de Renan Filho, o grupo de Joãozinho Pereira ocupava uma das secretarias de estado, no caso, com Fernando Pereira. 

 

De acordo com Joãozinho Pereira, no ano passado, o governo de Renan Filho comprou 156 caminhões compactadores novos, usados para o recolhimento de lixo urbano, com recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep), como demonstra reportagem da Gazetaweb, em matéria assinada pelos competentes jornalistas Jonathas Maresia, Thiago Gomes e Marcos Rodrigues.

 

A acusação é de que a antiga gestão emedebista provocou fez a compra com um sobrepreço de 11%. O governo federal – alvo das denúncias do senador Renan Calheiros – fez a compra de 110 veículos, também em 2021, com o mesmo fornecedor, mas pagou menos por cada unidade, ainda segundo a reportagem. 

 

A Codevasf – comandada por Joãozinho Pereira – teria pago R$ 474 mil pelos caminhões compactadores. O governo do Estado, entretanto, pagou R$ 582,8 mil. É a isso que o presidente da Câmara dos Deputados, deputado federal Arthur Lira (Progressistas), se referiu quando disse que o governo de Renan Filho gastou R$ 9 milhões a mais no valor total da compra, quando comparado com o que fez a Codevasf. 

 

No meio dessa briga, quem se sentiu atingido foi Joãozinho Pereira, que comanda a Companhia. Em entrevista a Gazetaweb, ele destaca que: “A Codevasf foi a pioneira na compra desse tipo de veículo. Antes, ninguém tinha comprado a quantidade que nós compramos e com a qualidade que compramos. O que mais impressiona é que estes caminhões compactadores foram adquiridos pelo Estado com dinheiro do fundo que deveria estar sendo usado para erradicar a pobreza das pessoas. O Fecoep é utilizado, aqui, para comprar equipamentos superfaturados pelo governo do Estado”.

 

SOBRE O AUTOR

Blogueiro do Cada Minuto

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados