Ricardo Mota
Ricardo Mota

Olavo Calheiros fez o esperado: não compareceu à eleição do governador-tampão

Ricardo Mota|
Olavo Calheiros
Olavo Calheiros / Agência Câmara

Não se pode acusar falta de coerência ao deputado Olavo Calheiros, o primeiro-tio: ele não compareceu à sessão que escolheu o governador-tampão.

Mesmo mantendo uma relação pessoal com o vice José Wanderley Neto, cujo nome defendeu para ser o candidato a governador do MDB pelo voto popular.

Lembrando que ele não queria que Renan Filho deixasse o governo do estado, entregando-o à Assembleia.

Além do mais, Olavo Calheiros tem sido o mais ausente de todos os parlamentares com assento na Casa de Tavares Bastos.

Apenas confirmou o que dele se esperava e ainda teve a companhia de Davi Davino na ausência.

SOBRE O AUTOR

Jornalista, escritor e músico.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados