Ricardo Mota
Ricardo Mota

Ronaldo Medeiros denuncia à Justiça ataque do Instagran oficial de Companhia da PM

Ricardo Mota|

O deputado Ronaldo Medeiros (PT) não quer deixar passar em branco a agressão que sofreu do perfil oficial do 9º Batalhão da PM, que fica em Delmiro Gouveia.

Tudo bem próprio desses tempos de valentia acovardada das redes sociais.

Medeiros publicou um vídeo do ex-presidente Lula no seu Instagran, falando sobre a fome e cobrando uma posição dos seguidores: de que lado você está.

Eis que alguém, possivelmente um militar, resolveu dar sua contribuição ao debate, na linguagem que conhece, só que no Instagran da corporação: “Chupa ladrões”.

O deputado petista fez o print e cobrou do comando do 9º Batalhão da PM uma posição, que não veio. Pelo contrário, a postagem “sumiu”.

“Eu vou à justiça e à corregedoria da PM. Isso é crime, e como tal deve ser tratado”.

Independentemente da posição do “valente” redista, se queria se pronunciar que o fizesse num perfil próprio – não desrespeitasse a instituição em que trabalha. 

Medeiros garante que vai acompanhar a investigação na corregedoria da PM.  
 

SOBRE O AUTOR

Jornalista, escritor e músico.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados