Acusado de matar vizinha após tentativa de estupro vai a júri popular

Redação*|
Fórum da Capital
Fórum da Capital / Foto: Caio Loureiro

O réu Denivaldo Santos de Amorim, acusado de matar sua vizinha a facadas após tentar estuprá-la, irá a júri popular, nesta segunda-feira (31). O julgamento será conduzido pelo juiz Ewerton Chaves Carminati, da 7ª Vara Criminal de Maceió, e terá início às 9h, no Fórum da Capital.

O crime ocorreu no dia 7 de agosto de 2019, no bairro do Bebedouro. Segundo a acusação, o réu era vizinho da vítima há vários anos e conhecia a rotina de trabalho do esposo dela, Carlos Eduardo da Silva. Aproveitando que Thaynara estava sozinha em casa, o réu entrou na residência e tentou manter conjunção carnal com a vítima.

O inquérito policial aponta que Thaynara resistiu à tentativa de estupro, o que fez o denunciado esfaqueá-la na região do pescoço até a morte. A vítima também foi atingida nas mãos, o que demonstra lesões de defesa.

Conforme os relatos constantes no processo, após a prática do crime, Denivaldo saiu da residência, foi para a porta da sua casa e, sem se importar com as pessoas ao redor, passou a lavar o sangue da vítima que estava na sua pele e roupa. As pessoas que estavam nas proximidades avançaram sobre o denunciado e começaram a agredi-lo.

Em seguida, a polícia chegou ao local, efetuando a prisão em flagrante do réu e apreendendo a arma do crime. 

*Com Ascom TJ-AL

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados