Leonardo Dias se reúne com Força Tarefa do MPF para discutir situação dos bairros em afundamento de solo

Assessoria|

Durante pronunciamento na Câmara Municipal de Maceió (CMM), na sessão ordinária desta quinta-feira (24), o vereador Leonardo Dias (PSD) ressaltou o trabalho que vem sendo desenvolvido pela Comissão Especial Parlamentar dos Bairros em Afundamento de Solo (CEPBAS), presidida pelo edil.

Dias ressaltou a reunião que teve recentemente com a Força Tarefa do Ministério Público Federal (MPF) para discutir a situação dos moradores dos Flexais de Cima e de Baixo, e a participação na audiência pública do Senado Federal, que foi proposta pelo senador Rodrigo Cunha (PSDB).

O vereador do PSD frisou que a CEPBAS tem tido um papel de articulação importante com órgãos públicos e com a comunidade para conseguir solucionar, ou pelo menos, minimizar os problemas vivenciados pelos moradores da região.

"Fui convidado pelo senador Rodrigo Cunha para a audiência pública realizada no Senado sobre a problemática da Braskem. Já destacamos os avanços da CEPBAS com relação a articulação com o Governo Federal, mas é importante que o Senado possa incluir-se e nos ajudar com uma melhor solução para essas pessoas. A comissão continua seu trabalho todos os dias em busca de soluções para diminuir as dificuldades que a população enfrenta", afirmou Dias.

Força-Tarefa

O vereador também discorreu sobre sua reunião com as promotoras da força tarefa do MPF, Juliana Cadete e Júlia Câmara. Foram discutidas ações para minimizar os transtornos que moradores remanescentes na região.

"Nossa preocupação é com a população que permanece nas áreas que não foram evacuadas. Afinal, saíram mercadinhos, lotéricas, escolas, entre outros serviços, o que provocou, como já frisado, esse fenômeno no ilhamento social", colocou.

Leonardo Dias ressaltou que a principal reclamação dos empresários da região têm sido a dificuldade de manter seus negócios. "Essa solução demandará um pouco de tempo, mas entendo que é preciso que enquanto tivermos pessoas morando na região, sejam criados mecanismos para incentivar o comércio da região, bem como restabelecer os serviços públicos", concluiu Dias.", concluiu Dias.

O edil e as promotoras discutiram ainda sobre a possibilidade da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) em viabilizar opções de rotas de transportes públicos para as regiões, bem como a possibilidade de projetos de revitalização de algumas áreas da região.

O MPF esclareceu emitiu uma nota aos órgãos públicos para que os serviços essenciais sejam retomados na região.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados