Prefeitura de Palmeira lança Prêmio Sandro Melros

Assessoria|
Foto: Assessoria

Mais uma ação de estímulo a cultura . A Prefeitura de Palmeira dos Índios, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, lançou nesta quinta-feira (17) o Edital de Fomento à Cultura – Prêmio Escritor Sandro Melros. O Prêmio tem o intuito de apoiar o setor artístico e agentes culturais de todas as áreas do município, além de homenagear o advogado, escritor e professor Sandro Melros, que nasceu em Major Izidoro mas se tornou cidadão palmeirense. Ele faleceu há quatro meses, vítima da Covid-19.

A família de Sandro, representada pela esposa Fernanda Ferraz e a sobrinha Michele Melros, participou da solenidade de lançamento do Edital, além do professor Cosme Rogério. Serão 60 prêmios, cada um de R$ 1.000,00 (mil reais), recursos do Fundo Municipal de Cultura

 O secretário municipal de Cultura Cássio Júnio disse que o Prêmio é uma maneira de ajudar à classe artística neste momento da pandemia. “É com alegria que lançamos esse prêmio em homenagem justa ao Sandro Melros, que foi um defensor das causas sociais e culturais. Ele era advogado, escritor e tenho certeza que ficaria muito feliz em participar da premiação que vai dar uma ajuda emergencial a todos os que fazem parte da cultura de Palmeira, em qualquer área. Todas as regras para participar do Prêmio estão no edital, publicado no Diário Oficial. Agradecemos ao prefeito Júlio Cezar por apoiar a classe artística e cultural do nosso município”, ressaltou o secretário.

O Prêmio será pago em parcela única. “Sabemos que é um momento difícil perder um pai, esposo, tio, filho, mas esta é uma homenagem especial por tudo o que o Sandro fez pela nossa terra. A Covid arranca as pessoas da gente, nem o direito de sepultarmos as pessoas nós temos e o Sandro foi mais uma vítima. Com essa pandemia, precisamos chegar às pessoas. O pagamento da premiação será feito com recursos próprios da Prefeitura de Palmeira, da mesma maneira que foi feito a Lei Aldir Blanc, em parcela única. Não podemos ser omissos neste momento em que o setor artístico e cultural amarga os efeitos da pandemia. Ao longo do ano teremos outros eventos, mesmo que de forma virtual, para apoiar os nossos artistas locais”, finalizou o prefeito Júlio Cezar.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados