Edmilson Teixeira
Edmilson Teixeira

Juiz João Dirceu profere palestra no 59º BI Mtz, aonde chegou servir Exército Brasileiro

Joâo Dirceu exibe certificado de sua presença como palestrante no Quartel do Exército Brasileiro em Maceió
Joâo Dirceu exibe certificado de sua presença como palestrante no Quartel do Exército Brasileiro em Maceió / Divulgação

 

Para quem serviu o Exército Brasileiro  durante oito anos, entre 1982 a 1990, chegando ao posto de Capitão, nada melhor agora do que retornar àquela Casa, na condição de palestrante, sobretudo, ocupando o cargo de juiz de Direito. O protagonista desta história é Dr. João Dirceu Soares Moraes, juiz titular da 20ª Vara Cível da Capital. É que nesta terça-feira, 8, o magistrado alagoano que é natural de Tanque d’Arca, recebeu a missão de destacar como palestrante o tema: O papel do Poder Judiciário e a necessidade de integração com a sociedade.

O evento direcionado  para futuros oficiais do Exército Brasileiro nasceu de um  convite do comandante do Batalhão e diretor de ensino do Núcleo de Preparação de Oficiais da Reserva, tenente-coronel Paim. "O Judiciário tem como função primordial julgar a aplicação das leis em casos concretos e zelar pelo cumprimento delas, a fim de assegurar justiça e a realização dos direitos e deveres", pontuou João Dirceu, o magistrado que acumula em seus arquivos, títulos de Cidadão Honorário de cidades alagoanas como: Capela, Maravilha e Inhapi. 

“Foi  gratificante palestrar no 59º Batalhão de Infantaria Motorizado, uma casa que marcou minha vida, principalmente porque eu  tive o prazer de servir a Pátria durante oito anos. Pois em 1990, após concluir meu curso de Direito, resolvi pedir baixa do Exército, ocasião em que eu ocupava o posto de capitão. As recordações são marcantes daquele tempo, e esta terça-feira veio para carimbar o preenchimento de uma lacuna nostálgica que nunca será esquecida”  comentou orgulhoso João Dirceu. 

SOBRE O AUTOR

Blog sobre os municípios alagoanos

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados