Como configurar uma VPN no Windows

Tecnologia|
Pixabay.com

A VPN, sigla de Virtual Private Network, é uma rede privada virtual que se tornou muito famosa no mundo corporativo. Mas muitas pessoas não sabem exatamente o que é uma VPN e como ela funciona.

É comum as empresas utilizarem a VPN para que os colaboradores se conectem à rede local corporativa de qualquer dispositivo, sem estar presente fisicamente na empresa, em segurança. Além disso, é uma maneira eficaz de proteger dados e criptografar informações, adicionando uma camada extra de proteção, evitando que criminosos acessem os dados confidenciais da empresa, como informações financeiras, dados pessoais de colaboradores, planos de negócios, entre outros.

É esta camada de proteção que atraiu os usuários individuais para o uso da VPN, em rede local doméstica ou para conectar-se com segurança às redes públicas, como Wi-Fi disponíveis em diversos locais públicos.

Como funciona a VPN?

Normalmente, toda vez que uma pessoa se conecta à internet ela recebe a identificação pelo endereço IP do dispositivo, número atribuído pelos provedores de internet, garantindo acesso a uma boa parte dos dados que são utilizados na internet. Ou seja, acesso aos sites que você visita, até informações como idioma, localização e algumas preferências de navegação.

Teoricamente esta prática é segura, porém o seu provedor pode compartilhar suas preferências com anunciantes, governo ou polícia por diversos motivos.

Porém, muitos criminosos utilizam deste endereço para utilizar informações pessoais e aplicar golpes, com novos tipos de crimes surgindo a cada dia. Com a VPN é possível se conectar à internet com privacidade e segurança.

Isso porque ela criptografa os seus dados, por meio de um servidor externo, impedindo que qualquer pessoa não autorizada acesse e consiga ler suas informações. Se você identifica que precisa de maior proteção, então use a VPN para ocultar seu endereço de IP e alterar sua localização, garantindo um acesso à internet sem medo de roubo ou vazamento de seus dados pessoais.

Vantagens da VPN

  • Aumento da segurança

Como foi comentado no tópico anterior, a maior vantagem da VPN é a camada extra de segurança, por utilizar um servidor externo para conectá-lo à internet, escondendo seu endereço de IP e protegendo suas informações pessoais como localização, dados como login e senha de sistemas e websites, entre outros.

Principalmente para viajantes que sempre estão dependendo de conexões em redes Wi-Fi públicas, usar a VPN pode garantir a segurança de seus dados, independente da rede que for utilizar.

No caso das empresas, permite que os funcionários se conectem com segurança na rede corporativa, estando dentro ou fora do escritório, mesmo ao acessar os arquivos em nuvem.

Essa é uma forma de possibilitar o trabalho remoto com segurança e sem perder arquivos e informações.

  • Acesso livre à sites e serviços limitados

Algumas regiões do mundo bloqueiam certos sites como Facebook, Google e YouTube, e em alguns websites de streaming como Netflix e Amazon Prime tem diferenças em seus catálogos de acordo com o país em que está. Com o uso da VPN, você consegue acessar o catálogo de outro país ou derrubar as barreiras de websites.

Essa é uma forma de derrubar as barreiras de navegação para que, ao viajar para qualquer lugar do mundo, você possa ter acesso ao conteúdo digital que desejar. Além disso, se você já está assistindo a uma série da Netflix, por exemplo, nem sempre ela estará disponível no país visitado. Daí a importância de contar com a VPN, já que com o serviço você terá acesso aos mesmos conteúdos disponíveis no Brasil.

Para as pessoas que gostam de utilizar os torrents para download, a VPN permite o download na velocidade máxima de sua conexão de internet, criptografando o conteúdo para que os provedores de internet não verifiquem o conteúdo baixado.

Como configurar uma VPN no Windows?

1. Pesquise o software de VPN que mais lhe atende

Existem diversos serviços de VPN disponíveis, gratuitos e pagos. Ao escolher o serviço desejado, faça o download do sistema no site da empresa ou na Microsoft Store.

Se for para uso profissional, geralmente a intranet da empresa oferece as configurações da VPN para realizar o acesso ou oferece a ajuda do departamento de informática.

2. Crie um perfil de conexão VPN no PC

Nas Configurações, vá em Rede & Internet > VPN e Adicionar uma conexão VPN. Ali, você irá selecionar a opção Windows em Provedor VPN, preenchendo o nome desejado para a conexão.

Em “Nome ou endereço do Servidor” coloque o endereço de seu servidor VPN e selecione o tipo de VPN, ambas as informações você encontrará no serviço de VPN contratado.

Em “Tipo de informações de entrada” escolha quais serão suas credenciais de acesso: nome de usuário e senha, somente senha ou outras opções de acesso. Selecione Salvar para finalizar.

Se caso necessite editar as informações posteriormente, selecione a Conexão VPN desejada e vá em “Opções avançadas”.

3. Conectar-se à VPN

Para se conectar à VPN, você irá ao menu Rede, como se fosse se conectar em uma rede local ou sem fio tradicional. Irá selecionar a rede VPN e inserir suas credenciais de acesso. A partir disso, com a rede VPN conectada, você estará navegando de forma segura.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados