Prefeitura de Palmeira informou  que devido a alguns transtornos provocados pela pandemia da Covid-19, as empresas que fornecem medicamentos como losartana, omeprazol, propranolol, diazepam, clonazenpan de 0,5 mg, amitriptilina, entre outros, estão com o prazo de entrega atrasado.

 

 

 

De acordo com a SMS, o Consórcio Intermunicipal do Sul do Estado de Alagoas (Conisul), responsável pela de gestão associada de serviços e compras nas áreas da Saúde, que integra vários municípios e, inclusive, Palmeira, suspendeu o último pedido feito pela Prefeitura de Palmeira para a compra dos medicamentos. Por este motivo, o Componente especializado de Assistência Farmacêutica (CEAF), ficou desabastecido.

 

 

 

A SMS informa, ainda, que a prefeitura já realizou o pagamento de mais de R$ 750 mil em medicamentos, que devem chegar ao município nos próximos 15 dias. Vale lembrar que alguns remédios que abastecem o CEAF, que  também são disponibilizados pelos governos federal e do estado estão em falta.

 

 

 

Confira abaixo a lista de medicamentos que estão em falta no CEAF e o grupo de competência de cada um

 

Medicamentos com aquisição centralizada pelo MINISTÉRIO DA SAÚDE:medicamentos FALTANDO MINISTÉRIO DA SAÚDE

 

Medicamentos com aquisição do MUNICÍPIO: Mapa medicamento Municipio (2)