Foto: Reprodução / Redes Sociais
Guilherme foi atingido por bala perdida durante o atentado e não resistiu.

A Polícia Civil prendeu neste sábado (3) os dois suspeitos da autoria do atentado a tiros registrado na noite da sexta-feira (2), no bairro Mutirão, em Junqueiro, no Agreste alagoano, que vitimou fatalmente um menino de oito anos e um homem de 37 anos.

A criança, identificada como Guilherme, foi atingida por uma bala perdida no momento em os dois suspeitos chegaram um estabelecimento comercial, localizado na Rua José Pereira, e efetuaram disparos de arma de fogo contra José Edson, que acompanhava o menino.

José Edson morreu no local. A criança foi baleada e levada para uma unidade de saúde local, mas não resistiu aos ferimentos.

Os suspeitos foram presos em uma operação comandada pelo secretário de Segurança Pública do Estado, Alfredo Gaspar de Mendonça. Segundo ele, ao menos quatro pessoas estão envolvidas no crime. Além dos dois presos, outros dois já foram identificados e a polícia continua investigando o caso.