fotos das redes sociais
O colorido; Rosa (Luh) vermelho (Márcia) e o azul (Vânia) toma conta da campanha municipal

No Passo de Camaragibe, litoral Norte de AL , terra natal do dicionarista Aurélio Buarque de Holanda,  o eleitor este ano está se deparando com uma cena inusitada em meio a esse clima de campanha política. A prefeita Vânia (PTB) há poucos dias fora afastada da Prefeitura, por determinação da Justiça; ao tempo em que resolvera renunciar sua candidatura a reeleição. A ex-prefeita Márcia Coutinho (MDB) que tenta um terceiro mandato também foi condenada, isso há pouco mais de um mês, mas insiste com seu nome na praça, fazendo campanha e tudo mais. 

Em meio a isso, a candidatura do vereador Luh Nogueira (PP), vem ganhando fôlego, sobretudo com um farto discurso de que suas adversárias foram condenadas por questões ligadas a falcatruas, razão de a coligação ter sido batizada de: “Com união e honestidade o Passo cresce.”   

Com a renúncia, Vânia do Passo como é conhecida  montou uma chapa formada por Elisson um ex-cargo comissionado de seu Gabinete, que ela exonerou desde o dia 07 de agosto passado, convicta de acioná-lo como candidato substituto, porque sua campanha certamente não teria futuro.  Pois com o afastamento de Vânia, a Prefeitura desde a semana passada vem sendo comandada pelo vice-prefeito, Ricardo Nogueira, que por ironia do destino, hoje ocupa a vaga de sua grande rival. Aí Ricardo teve que retirar sua candidatura como vice, na chapa liderada pela insistente Márcia Coutinho, e em seu lugar indicou o filho, Léo Nogueira.   

É de se saber que ontem (sábado), a coligação “Com união e honestidade o Passo cresce” liderada pelo candidato Luh Nogueira, entrou mais uma vez na 12ª Zona Eleitoral, lá no Passo de Camaragibe/AL, com um pedido de impugnação da candidatura de Márcia Coutinho. “Isto posto, pelos fatos e fundamentos jurídicos retro expostos, manifesta-se o Ministério Público Eleitoral pela procedência da impugnação apresentada com o consequente indeferimento do registro da candidatura da impugnada” diz o trecho final  da ação  entregue à Justiça.