Foto: Divulgação
Bolsonaro em visita ao Nordeste

Segundo a análise de cientistas políticos, os três principais nomes a prefeitura de Maceió - Alfredo Gaspar e Mendonça, Davi Filho e JHC - possuem características de aproximação com o eleitorado do presidente Jair Bolsonaro. 

E isso, pode provocar uma divisão na distribuição dos votos nas urnas. Em entrevista ao Jornal Tribuna Indepedente, os cientistas políticos Luciana Santana e Ranulfo Paranhos chegaram a essa análise juntos, mas fizeram ressalvas de alguns pontos. 

Para Luciana, a eleição em Maceió não será definida pelo voto do presidente ou o voto pela sua causa. “Acho que as discussões serão mais internas de continuidade ou renovação dentro da prefeitura”, colocou ela. 

Já Paranhos, analisa que em Maceió o deputado federal Arthur Lira irá trabalhar mais para “colar” a imagem de Bolsonaro no palanque de Davi Filho. “Mas a gente não sabe se isso será positivo”, ponderou ele.