Foto: Aldo Correia
Estádio Rei Pelé

Mais um passo foi dado para o retorno do público nos estádios de futebol do Brasil. O Ministério da Saúde aprovou nesta terça-feira (22) o estudo técnico feito pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que agora irá discutir com as federações, entre elas a alagoana, para avaliar o retorno de acordo com a situação de cada Estado.

Os principais destaques do documento apresentado pela CBF, se referem à liberação para os clubes da Série A e que apenas a torcida mandante poderia frequentar a praça esportiva, com 30% da capacidade do estádio.

Dessa forma, não estariam contemplados os clubes das Séries B, casos de CSA e CRB, além das Séries C e D. Mesmo assim, com o estudo aprovado, a CBF iria discutir com o Ministério da Saúde o avanço para as demais competições.

O MinutoEsportes conversou com o presidente da FAF, Felipe Feijó, que ponderou sobre a decisão. “A gente já havia adiantado o que poderia acontecer. Vários outros setores já retornaram atividades com público e o futebol não poderia ser diferente. Apesar disso, vamos aguardar esse protocolo padrão que a CBF vai enviar e saber quais serão os próximos passos”, disse o dirigente que ainda reforçou.

“A nossa parte nós estamos fazendo aqui em Alagoas. Os clubes estão junto da Federação, estamos conversando com as autoridades e assim que a CBF se posicionar de forma oficial, a gente pode intensificar a tratativa”, concluiu.

Os jogos no Brasil seguem sem público desde o mês de março, quando “explodiu” a pandemia do coronavírus no país. As competições foram retomadas ainda sem público no mês de agosto.