Secom/AL
Renan Filho cumpre promessa garantindo uma obra tão esperada. Diversas autoridades presentes, menos o prefeito Henrique por conta do período eleitoral

Um dos grandes sonhos do prefeito Henrique Vilela (MDB) de Porto de Pedras que é a construção de uma ponte sobre o rio Tatuamunha agora chega a seu alcance. Pois nesta segunda-feira, o governador Renan Filho (MDB) esteve por lá, a fim de cumprir sua promessa ao assinar junto com o secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), João Paulo Tavares, a ordem de serviço para a construção dessa grande obra de 350 metros de extensão, que para os nativos da região será um grande presente. 

Os custos da ponte chegam à casa dos 910 mil reais, e quando  pronta daqui a noventa dias,  promete estruturar um dos atrativos turísticos mais cobiçado da badalada Rota Ecológica dos Milagres: o passeio de observação do peixe-boi marinho. A obra que vai substituir uma ponte de madeira é um anseio antigo da população, sobretudo dos pescadores.

"Essa é uma obra que vai garantir a preservação do meio ambiente, potencializar o turismo, ampliando as possibilidades de visitação; e melhorar a vida das pessoas daqui, porque também dá acesso a outras comunidades", destacou Renan Filho. Por conta do período eleitoral, o prefeito Henrique Vilela, que vai para a sua reeleição, não pode se fazer presente durante o evento. 

A construção da ponte  será executada em parceria com a Prefeitura de Porto de Pedras e o Ministério do Turismo. O município litorâneo encontra-se inserido na Área de Proteção Ambiental (APA) Costa dos Corais – maior unidade de conservação marinha costeira do Brasil

"A ponte sobre o Rio Tatuamunha é essencial para que o turismo aconteça, não só para o passeio do peixe-boi, como também para o desenvolvimento comunitário. Ela vai agregar mais valor ao passeio, que é fonte de renda para muitas famílias", declarou a presidente da Associação Peixe Boi, Flávia Rêgo.