Foto: Jonathan Lins/G1
Cidade de Marechal Deodoro, Alagoas.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) entrega, nesta quarta-feira (05), a reforma da Maternidade Imaculada Conceição, no município de Marechal Deodoro. O governador Renan Filho, o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, e o prefeito Cláudio Filho Cacau inauguram, a partir das 11h, a obra que recebeu investimento de R$ 970 mil do Governo do Estado.


A ordem de serviço para reestruturação da casa maternal foi autorizada em 15 de novembro do ano passado. A maternidade estava sem funcionar desde agosto de 2014 e, com a entrega da reforma, poderá receber as famílias a partir de amanhã.


A maternidade dispõe de três quartos PPP (pré-parto, parto e pós-parto), um espaço destinado ao pré-parto, parto e puerpério, privativo para cada mulher e seu acompanhante, onde a atenção aos períodos clínicos do parto e do nascimento acontece no mesmo ambiente, desde a internação à alta, com ambiência adequada à Resolução da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).


Entre os principais objetivos está a prestação de assistência humanizada ao parto e nascimento de risco habitual, por meio da adoção das boas práticas de assistência preconizadas pela OMS (Organização Mundial de Saúde) e a Rede Cegonha, centrada nas necessidades da mulher, respeitando a sua individualidade e fortalecimento do vínculo afetivo e da amamentação.


Em relação aos recursos humanos, a Maternidade Imaculada Conceição terá coordenador com especialização em obstetrícia; médicos obstetras; enfermeiros obstetras; enfermeiro tutor do método canguru; técnicos de enfermagem na assistência ao pré-parto, parto, pós-parto e recém-nascido; técnicos para esterilização; auxiliares de farmácia; recepcionistas, serviços diversos e vigilância.


Para o secretário Alexandre Ayres, com a finalização da reforma e o início imediato do funcionamento, as famílias de Marechal Deodoro estarão contando com mais um serviço de proximidade com a saúde pública. “A reorganização da rede hospitalar representa mais um avanço que o Governo de Alagoas tem colocado em prática junto aos municípios”, destaca.