Foto: Assessoria

Em reunião extraordinária virtual, ocorrida na manhã desta terça-feira, 04, o Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado de Alagoas empossou Carlos Eduardo de Paula Monteiro ao cargo de defensor público-geral do Estado, para o biênio 2020/22. A posse foi realizada quatro dias após a nomeação ao cargo, publicada no Diário Oficial, do Decreto N° 70.571, assinado pelo governador do Estado, Renan Filho.  

Durante a cerimônia, Carlos Eduardo destacou seu compromisso com a população alagoana hipossuficiente.

“Gostaria de dizer ao povo alagoano que todo o meu mandato será com o objetivo único de garantir a todas as pessoas que se encontram em alguma situação de vulnerabilidade, o mais amplo acesso à justiça mediante um serviço público de excelência”, destacou.

Monteiro também agradeceu ao apoio de seus familiares e amigos, e aos seus colegas defensores públicos.

“Sinto-me honrado ao ser nomeado, pelo governador Renan Filho, Defensor Público-Geral do Estado de Alagoas. Agradeço a Deus pela saúde e disposição de enfrentar esse desafio e peço sabedoria na condução do órgão. Agradeço a minha esposa Francielle, meus filhos Gabriel e André, pais e irmãos pelo apoio de sempre. Agradeço ao amigo Ricardo Melro pelo incentivo e ensinamentos durante os quatro anos em que fui subdefensor-geral. Agradeço aos amigos e colegas defensores públicos pelo voto de confiança, bem como pela energia com que desempenham árdua função, energia que me contagia para enfrentar as dificuldades dos anos vindouros”, afirmou.

O momento foi acompanhado pelos familiares de Carlos Eduardo. Concedida a palavra para manifestações dos presentes, seu pai, Carlos José Monteiro, “abraçou” todos os defensores públicos e desejou sucesso ao filho e uma gestão com humildade mas sem subserviência no amparo às pessoas mais carentes.

Ainda, durante a posse, os conselheiros parabenizaram Ricardo Melro pelo trabalho realizado à frente da instituição, nos últimos quatro anos e destacaram a profícua condução da Defensoria Pública durante o período de pandemia.

Melro desejou sucesso ao novo defensor público-geral.