“Flashback II”: presos são transferidos para presídio do Agreste; veja vídeo

  • Gabriela Flores
  • 01/08/2020 10:30
  • Geral
Cortesia Seris
Presos na Operação “Flashback II” transferidos para o presídio do Agreste

A Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) e de Segurança Pública (SSP) , transferiram, na manhã deste sábado, dia 01, para o presídio do Agreste, em Girau do Ponciano, os reeducandos presos na operação “Flashback II”, ocorrida na última terça-feira, dia 28.

A transferência contou com 40 Policiais Penais do Grupo Especial de Remoção e Intervenção Tática (GERIT) e do COP do Agreste, sob coordenação da Chefia Especial de Gestão Penitenciária (CEGP), além de equipes da Polícia Militar.

Dos 18 presos na operação “Flashback II”, 13 homens foram encaminhados ao Regime Disciplinar Diferenciado (RDD). As cinco mulheres continuam no complexo penitenciário de Maceió, já que o único estabelecimento prisional feminino do estado é o Presídio Santa Luzia.

De acordo com a assessoria de Comunicação da Seris, o RDD é um regime de prisão destinado tanto a presos provisórios ou condenados e que apresentem alto risco à sociedade ou segurança do estabelecimento penal, bem como a grupo suspeito de integrar milícia, organização ou associação criminosa.

“No Regime Disciplinar Diferenciado, os reeducandos devem cumprir a pena em cela individual, tendo direito a somente horas diárias para o banho de sol, além de receber apenas duas visitas quinzenalmente, todas monitoradas, havendo, ainda, outras restrições durante o encarceramento”, explicou a assessoria.

 

 

A operação

Somente em Alagoas, agentes de Segurança Pública cumpriram, na terça-feira (28), 98 mandados judiciais na Operação Flashback II, de combate ao principal núcleo da facção criminosa denominada Primeiro Comando da Capital (PCC). 

Além de Alagoas, os mandados também foram cumpridos em Pernambuco, Ceará, Bahia, Paraíba, Piauí, Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Minas Gerais.

Mais um alvo 

Na noite desta sexta-feira, dia 31, outro alvo da Operação Flashback II, foi preso durante uma abordagem realizada pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope) do Mato Grosso do Sul, na cidade de Ponta Porã. 

Com o homem, os policiais apreenderam 22 quilos de skank, droga conhecida também como “supermaconha”, um fuzil 556 e duas pistolas calibre 9 milímetros.