Com o objetivo de orientar os comerciantes de laticínios de Arapiraca sobre a importância do cumprimento da legislação sanitária, a Vigilância Sanitária Estadual e o Ministério Público Estadual (MPE) promovem um curso na próxima terça-feira (11), a partir das 8h30, no Clube dos Fumicultores.  

“O curso surgiu após o MPE e a Vigilância Sanitária receberem denúncias que estaria havendo, por parte das indústrias de laticínios locais, o descumprimento da legislação com alguns casos de venda de produtos com embalagens sem impressão do selo da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)”, informou a gerente de alimentos da Vigilância Sanitária, Márcia Alves, acrescentando que a ação visa conscientizar os comerciantes de que eles serão punidos no caso de adquirirem laticínios em desconformidade com a legislação.

“Durante o curso, vamos abordar quais os selos que os comerciantes devem averiguar e também iremos distribuir a lista das indústrias autorizadas a comercializar estes produtos no Estado”, disse.

Márcia alertou que os danos àqueles que consomem alimentos contaminados são enormes e que, durante o curso, será demonstrada toda a cadeia produtiva do queijo coalho.  “Os comerciantes devem se conscientizar que, em caso de venda de laticínios estragados, eles terão seus produtos recolhidos e responderão  a um processo cível e outro criminal, sendo então fundamental que eles fiscalizem e denunciem qualquer irregularidade nas indústrias de derivados do leite”.