CPLA reúne produtores para discutir renovação do Programa do Leite

Redação|

O presidente da Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA), Aldemar Monteiro, coordenou na manhã desta quarta-feira, dia 11, uma reunião entre os produtores de leite do Estado e a superintendente da Agricultura Familiar do Estado, Inês Pacheco, para discutir a renovação do Programa do Leite em Alagoas.


O encontro, que foi realizado no auditório da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Alagoas (Faeal), contou ainda com a presença de representantes da superintendência estadual do Banco do Brasil.

Na oportunidade, Inês Pacheco fez uma explanação do programa em Alagoas e as conquistas obtidas no Estado, lembrando que a renovação do convênio para a manutenção do programa deverá ser realizada no próximo mês de agosto.


“Neste programa, temos uma relação de parceria onde cada um tem feito o seu papel. É um programa público e estratégico para o governo. Ele diversifica a produção dentro da agricultura familiar. A cadeia do leite é prioritária no Estado”, frisou Inês Pacheco.


Segundo ela, a importância do Programa do Leite para Alagoas pode ser observada no montante de recursos destinados pelo governo. “O maior volume de recursos da Seagri são destinados ao fortalecimento da Cadeia Produtiva do Leite. Hoje, temos o melhor Programa do Leite do País”, destacou Pacheco.


Com validade de um ano, o programa foi criado em Alagoas em 2009, sendo renovado em 2010 por igual período. Com isso, o prazo para encerramento é agosto de 2011. A superintendente da agricultura familiar informou que a renovação do convênio só se dará se for modificada a modalidade de pagamento que passará a ser direto na conta do produtor.

A execução da nova forma de pagamento iniciará com um grupo de 80 agricultores da CPLA, mas alguns mostraram preocupação. De acordo com Aldemar Monteiro, os agricultores temem os atrasos no repasse do recurso. Já que a cooperativa opera com o pagamento quinzenal, mesmo recebendo no final do mês o repasse do recurso federal.


“Somos os maiores incentivadores do programa do leite. Os benefícios já foram mostrados pela representante do governo, nosso papel é trazer clareza para esse novo processo. O que depender da CPLA a renovação vai existir e ousamos ir mais além à ampliação do programa também”, destacou Monteiro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados