Prorrogado prazo para conclusão de correição em Juizado de Arapiraca

Redação|
Diógenes Tenório, juiz auxiliar da Corregedoria, comanda investigação
Diógenes Tenório, juiz auxiliar da Corregedoria, comanda investigação

O desembargador José Carlos Malta Marques, corregedor-geral da Justiça do Estado de Alagoas, publicou portaria, na edição desta sexta-feira (7) do Diário da Justiça Eletrônico, prorrogando por mais 45 dias, contados a partir de 19 de abril, o prazo anteriormente estabelecido para conclusão de relatório de correição (inspeção) em processos relativos ao seguro DPVAT no 1º Juizado Cível e Criminal de Arapiraca.

A decisão de ampliar o prazo para conclusão dos trabalhos leva em consideração a complexidade dos problemas que envolvem a inspeção nos processos que resultaram ou resultam em pagamentos dos seguros-prêmio do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores (DPVAT). O desembargador ratifica ainda a dificuldade do trabalho em virtude da correição extraordinária na comarca de São Sebastião.

“Não podemos deixar de considerar a impossibilidade de, a um só tempo, serem concluídos os serviços da Correição nas duas unidades judiciárias”, fundamenta o desembargador Malta Marques, com base em expediente enviado ao seu gabinete pelo juiz auxiliar da Corregedoria Diógenes Tenório, presidente da comissão instituída em fevereiro deste ano com a missão de apurar a suposta prática de delito nas duas unidades.

O trabalho de inspeção nos processos do 1º Juizado Cível e Criminal de Arapiraca começaram dia 12 de fevereiro, depois da veiculação, através dos meios de comunicação, de informações relativas à operação deflagrada pela Polícia Civil para apurar a suposta prática de ato delituoso referente ao trâmite processual de causas do seguro DPVAT. Na ocasião, houve decretação da prisão de uma servidora, posteriormente liberada.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados