Cortesia

Policiais militares do município de Boca da Mata prenderam durante o último final de semana, Laércio Rocha dos Santos, conhecido por “Galego”, ex-presidiário, o qual possuía em sua residência um revólver magnum de calibre .44, devidamente municiado, arma de uso restrito.

Os policiais apresentaram o Laércio, junto à arma de fogo e munições no plantão da Delegacia de São Miguel dos Campos, onde foi lavrado o seu flagrante pela prática do crime capitulado no art. 16 da Lei nº 10.826/03 (possuir arma de fogo e munições de uso restrito).

O Delegado de Plantão Rubem Natário, Titular da Delegacia de Junqueiro, responsável pela autuação em flagrante do ex-presidiário, disse que os militares chegaram até a casa recém alugada do Laércio naquele município por meio de denúncia anônima, destacando a importância das informações da sociedade, que levaram mais um criminoso para cadeia.

“Agora o Laércio que esta preso na carceragem da Delegacia Regional, deverá ser investigado em pelos menos cinco homicídios registrados na circunscrição de São Miguel dos Campos, complementou àquele Autoridade Policial”.

Segundo as declarações do próprio preso, o mesmo adquiriu o revólver e munições na capital, a pessoa que não mencionou, pelo valor de R$ 1.300,00, destacando ele (Laércio) que foi levado ao presídio anos atrás, por ter arrancado a cabeça de uma vítima, ocultando o seu corpo, fato não comprovado durante o plantão.

As demais investigações sobre os homicídios serão presididas pelo Delegado Regional Josias Luiz de Lima, que já possui elementos para pedir a prisão preventiva em alguns dos casos, da pessoa do Laércio Rocha dos Santos.