Árbitro brasileiro na última Copa do Mundo, gaúcho comete erros graves na primeira partida da decisão do Cearense 2009. Entre eles, a marcação de um pênalti inexistente.




Errar é humano, mas permanecer no erro, é monstrruoso. Simon garante que houve o pênalti. Veja: