Histórias do Lar São Francisco de Assis, aos 62 anos

  • teresa
  • 29/07/2009 15:23
  • Maceió

 

As histórias e as lições de vida dos idosos do lar São Francisco de Assis nunca são as mesmas para os 70 moradores da casa que serve de moradia aos maiores de 60 anos. O abrigo comemora neste mês de agosto 62 anos. Funciona desde 1943. Há 27 anos está no bairro da Serraria.

Os homens e as mulheres de cabelos brancos, entre 60 e 99 anos, têm vidas diferentes. Alguns foram deixados por familiares, que não voltam mais; outros são mais visitados. Todos recebem amigos ou desconhecidos e há até aqueles que vão em busca de conselhos, orientações, histórias.

“Alguns, quando vêm pela primeira vez choram bastante porque se imaginam mais velhos ou porque pensam nos filhos. Mas, as lições que temos aqui são do lado humano de cada um dos moradores deste lar. Quando se vem aqui, parece que a pessoa amadurece mais. O mal não deve ser revidado com o mal. Sobra o amor. Conversar com estes mais velhos acaba deixando uma coisa de lado: nosso orgulho”, diz a auxiliar administrativa do lar, Érika Maria Fernandes Filho. 

O lar também recebe a visita de escolas. É o encontro de duas gerações, quase opostas: viventes do mundo de hoje e de amanhã. “Quando vemos as crianças e os mais velhos conversando aqui no lar, a gente percebe o valor da paciência e das lições de vida. Ainda temos que aprender muito”, afirma a auxiliar administrativa.

De portas abertas, o lar recebe aqueles que querem doar um pouco de si. É um olhar sobre o próprio coração. Como as crianças que visitam o São Francisco de Assis e veem a alegria, nos rostos desenhados pelas curvas do tempo. 

Serviço:

Lar São Francisco de Assis

Local: Travessa Getúlio Vargas, Serraria

Contato: 82 3241-0431

Atendimento: todos os dias (incluindo feriados e finais de semana), das 8h30 às 11 da manhã e 14h30 às 17h30.

Valor da entrada: gratuita, mas o lar sobrevive de doações financeiras e de alimentos. Mais informações sobre o quê doar por telefone.