O advogado Paulo Henrique Brêda será reconduzido ao Conselho Estadual de Segurança Pública. A decisão é do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Alagoas, Omar Coêlho de Mello, e já foi encaminhada na manhã de hoje, por meio de ofício, ao secretário-geral do Gabinete Civil, Álvaro Machado. Paulo Brêda integrou a primeira formação do conselho, representando a OAB/AL.

"Vimos reconduzir o nome do advogado Paulo Brêda, que já desenvolve um profícuo trabalho naquele egrégio Conselho, na certeza de que esta instituição continuará contribuindo para o soerguimento da segurança pública em Alagoas", diz Omar Coêlho no ofício.

O Conselho Estadual de Segurança Pública é composto por onze membros, com representação do governo do Estado e diversos órgãos da sociedade. Dentre as competências do órgão estão o controle da atuação administrativa e financeira das instituições que compõem a Defesa Social; a participação na formulação e deliberação da política de segurança pública; o apoio e participação em iniciativas que permitam a dinamização das ações dos órgãos de segurança; e a elaboração de relatório anual propondo as providências que julgar necessárias sobre a situação dos órgãos de defesa social, e referentes às suas próprias atividades.