Thiago Davino 1325781351jorgevi2 Jorge VI

Dias depois de confirmar o empréstimo do atacante Reinaldo Gaúcho para o futebol coreano e comemorar os lucros da futura negociação, a diretoria do CSA confirmou que o atleta não ficará no continente asiático e se reapresenta na próxima semana. Se Reinaldo Gaúcho vem, o atacante Wilson vai embora para o futebol mineiro, onde defenderá o Tombense, time da segunda divisão mineira.

O Presidente do CSA, Jorge VI, informou em nota oficial que foi procurado pelo empresário Manoel Nascimento, que o comunicou a intenção do time coreano de não cumprir os acordos financeiros com o CSA em função da liberação por empréstimo, a pedido do próprio atleta Reinaldo Gaúcho, para jogar no continente asiático.

Diante do impasse e do não cumprimento dos acordos por parte do interessado, Jorge VI confirmou à nação azulina que o atleta deve estar se reapresentando no CT Gustavo Paiva no inicio da semana, pois, por precaução, havia condicionado a assinatura no contrato à comprovação dos créditos nas contas do Azulão.

Segundo o empresário Manoel Nascimento que fez contato com o atleta Reinaldo Gaúcho, o mesmo já havia passado por rigorosa bateria de testes físicos, médicos e fisiológicos, e se mostrou solidário ao CSA.

WILSON JOGARÁ EM MINAS GERAIS

A direção do CSA também confirmou que o atleta Wilson, formado nas divisões de base do clube, passará a jogar pelo Tombense de Minas Gerais, segunda divisão daquele Estado.

A diretoria azulina julgou de forma positiva proporcionar mais essa experiência para o jovem atleta, em função de colocá-lo numa "vitrine" expressiva, ficando próximo a grandes centros de futebol com o apoio da empresa especializada em transações nacionais e internacionais, proprietária do referido time.

“Desejamos boa sorte ao nosso Wilson com a certeza que dias melhores acontecerão em sua vida com conseqüências positiva para o Azulão que detém 30% (trinta por cento) dos direitos econômicos e federativos do mesmo, em caso de venda dos citados direitos”, disse Jorge VI.