Após resultados inconclusivos da necrópsia realizada no corpo de Michael Jackson, a família do cantor pediu novos exames para que a causa da morte seja esclarecida. A informação foi confirmada a agências internacionais pelo porta-voz do Instituto Médico Legal de Los Angeles, Brian Elias.

De acordo com a Fox news, a nova necrópsia seria realizada ainda neste sábado (27), em Los Angeles, mas por profissionais diferentes dos que realizaram a primeira. A família também espera esclarecer o comportamento do médico presente no momento da morte de Jackson.

Ainda de acordo com as Fox News, a família de Jackson estaria reunida próximo à sua casa, no subúrbio de Los Angeles, analisando como seria feito o sepultamento. Uma empresa de mudança foi enviada à mansão de Holmby Hills, onde Michael Jackson morava, para encaixotar e levar embora suas coisas.

Segundo informações da Fox News, muitas caixas estavam sendo retiradas da casa, neste sábado (27). Não há informações sobre o destino dos pertences do cantor nem registro do que exatamente já saiu da casa. Informações de janeiro deste ano, época em que Jackson se mudou para a mansão, dão conta de que o aluguel seria de R$ 100 mil dólares (o equivalente a cerca de R$ 190 mil), o que pode ter apressado a retirada de seus bens.

Durante a tarde, Janet Jackson esteve no local. Usando óculos escuros e dirigindo um Bentley, ela entrou direto e não falou com a imprensa. O corpo de Michael Jackson foi entregue aos familiares neste sábado, após a necrópsia fracassar em identificar imediatamente a causa da morte do pop star. Por enquanto nenhum plano de funeral foi revelado.

Resultados da necrópsia, realizada nesta sexta-feira, não indicaram "traumas externos" ou "circustâncias suspeitas" (de crime) no corpo do cantor, que morreu na quinta após sofrer uma parada cardíaca em sua casa em Los Angeles.

De acordo com Craig Harvey, porta-voz do Instituto Médico Legal de Los Angeles, "levará de quatro a seis semanas" para "fechar o caso e definir uma causa final da morte". O prazo é o tempo necessário para que sejam colhidos resultados dos testes toxicológicos adicionais.