Trabalhadores da Companhia Energética de Alagoas - Ceal, decidiram após assembléia, aprovar a pauta nacional apresentada pela Eletrobrás, após reunião de negociação ocorrida nos dias 18 e 19 em Brasília.

Com a aprovação da pauta nacional os trabalhadores resolveram encerrar a paralisação prevista para ser de 48 horas, retornando ao trabalho a partir desta terça-feira (23). A categoria negocia agora as cláusulas específicas que têm importantes pontos a serem conquistados como o fim da CCE-09 e o pagamento da PLR.

Os trabalhadores destacaram que uma importante conquista neste acordo nacional foi o fim da discriminação entre as empresas geradoras e distribuidoras, com a celebração de uma mesa de negociação única e um acordo único. Desta forma, a proposta nacional aprovada pelos trabalhadores da Ceal foi a mesma oferecida para todos os trabalhadores das demais empresas do setor elétrico brasileiro ligadas a Eletrobrás.

A proposta aprovada contemplou um reajuste de 5,53%, referente ao IPCA integral, um abono referente a perda de massa salarial no valor de R$ 2.000,00 para todos os empregados indistintamente, mais um percentual de 7,5% de uma renumeração, o auxílio creche passou dos atuais R$ 178,00 para R$ 300,00, para filhos de até seis anos e onze meses, e para R$ 200,00, para filhos até 14 anos e onze meses. O auxílio alimentação que passou para R$ 21,10, sendo 13 talões anuais com 25 tickets cada talão.