O governo de Alagoas apoia a realização do projeto Trem do Forró, que sairá da Estação Central de Maceió, nos dias 23, 26, 27 e 28, com muito forró pé de serra, banda de pífanos, bebidas, comidas típicas e atrações da época, com destino à cidade de Satuba. A iniciativa visa o resgate dessa manifestação cultural nordestina, além de se tornar fonte de geração de emprego e renda.

O Trem do Forró de Alagoas quer lotar os vagões de muita alegria e animação. A intenção dos organizadores é fazer com que essa atração se torne parte do calendário junino do Estado e um forte atrativo turístico, a exemplo de evento similar em Recife, já considerado um dos mais conhecidos símbolos do tradicional São João de Pernambuco.

Segundo estimativas dos organizadores, a atração deverá embalar cerca de seis mil passageiros durante o evento, comprovando que a festa é “pra valer”. O Trem do Forró encantará não só os alagoanos, mas turistas de outras regiões do país. As partidas serão realizadas sempre às 21h. A concentração tem início às 19h, quando já é possível dançar um forró agarradinho e curtir a apresentação de quadrilhas juninas no saguão da centenária estação.

Após a partida, cada um dos vagões do trem garante a continuidade da festa com serviço de bar e muita segurança para garantir que a viagem transcorra na maior tranquilidade. O Trem do Forró para nas estações de Bebedouro, Fernão Velho e, ao chegar a seu destino, Satuba, terá uma calorosa recepção preparada pela prefeitura do município e pela população local. A festa continua no “Arraiá Carça-Curta” com a apresentação de shows de quadrilhas juninas. O retorno a Maceió será 1h da madrugada.

A atração não é boa apenas para quem vai lá para se divertir. O Trem do Forró, segundo seus organizadores, gera muitos empregos diretos, além de mais de 200 empregos indiretos, em bares, restaurante e hotéis, entre outros estabelecimentos.