Beto Macário Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Fernando Collor

O senador Fernando Collor de Mello (PTB) – apontado recentemente pelo site Congresso em Foco como o quinto senador “mais caro” do país – chamou a atenção do Jornal do Brasil por conta de seu gasto, envolvendo verbas indenizatórias, com segurança. Collor – ainda segundo o levantamento do Congresso em Foco – gastou mais de R$ 97 mil em verbas indenizatórias.

O recurso é gasto com aluguéis, locomoção, materiais de trabalho, divulgação, consultoria e passagens. Porém, segundo a reportagem, o senador teria usado destes R$ 97 mil, R$ 15.372,62 com segurança pessoal. Ou seja: para se proteger.

A equipe de reportagem tentou ouvir a assessoria de Collor e teria recebido a seguinte resposta: “cada um gasta com o que precisa”. Sem detalhes para os custos da segurança pessoal do senador, que foi ex-presidente da República e que – recentemente – tentou retornar ao Governo do Estado de Alagoas.

Estou no twitter: @lulavilar