A japonesa Sony sofreu um novo ataque hacker. A So-Net, um serviço de acesso à internet da empresa no Japão, alertou consumidores de que um intruso acessou seu sistema e roubou créditos de clientes no valor de R$ 1.900 (US$ 1.225).

O último ataque acontece após o sequestro de informações pessoais de cerca de 100 milhões de contas de clientes da Sony no mês passado, quando seus sistemas de jogos online PlayStation Network e Sony Online Entertainment foram hackeados.

A So-Net diz que interrompeu a troca de créditos dos clientes e pediu que todos trocassem a senha. Cerca de R$ 1.900 foram roubados de contas atacadas. A companhia disse que não havia evidência de que outras contas no sistema tenham sido hackeadas.

– No atual momento de nossas investigações, não confirmamos nenhum roubo de dados. Não encontramos nenhum sinal de possibilidade de que terceiros tenham obtido nomes, endereços, data de nascimento e telefones dos usuários.

Especialistas em segurança afirmaram à Reuters que as redes globais da Sony permanecem vulneráveis a ataques.