Wadson Correia Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Documentos encontrados com a vítima

Foi encontrado na tarde deste sábado (19), na fazenda Jiboia, no povoado Poço Branco, no município de Mata Grande um homem morto as margens da BR-316, próximo as divisas dos estados de Alagoas e Pernambuco.

De acordo com agentes da delegacia de Mata Grande, o agricultor Lindomar dos Santos, 33 anos estava degolado e o corpo apresentava marcas de disparos de arma de fogo. O crime aconteceu, na noite de sexta-feira dia 18.

No bolso de Lindomar, a polícia encontrou documentos como Certidão de Nascimento e um documento do presídio de Petrolina- PE, onde possivelmente pagou pena por homicídio, ou conseguiu fugir. A vítima é natural de Inajá, cidade pernambucana.

A dois quilômetros do corpo, os autores do crime capotaram uma Parati de cor vermelha com placas de Mata Grande provavelmente utilizada para a fuga. O corpo da vítima foi removido numa viatura da delegacia regional de Delmiro Gouveia para o necrotério do hospital regional de Mata Grande.

O IML foi acionado para remover o corpo para o estudo de necropsia, em Arapiraca. O crime será investigado pelo delegado Walter Cunha titular de Mata Grande.

Operação

Policiais da delegacia de Mata Grande, regional de Delmiro Gouveia e militares aproveitaram a ocasião e realizarem buscas, na BR-316 próximo a divisa dos Estados, área considerada perigosa pelas policias dos dois Estados. Ninguém foi preso.