Além do empresário do ramo de investimentos, nove pessoas da família dele morreram na tragédia.

Uma das vítimas era um bebê de apenas seis meses. Em 1996, a mulher do investidor Roger Wright morreu no acidente da TAM em São Paulo.