Cidade

População com 33 anos ou mais já pode se vacinar contra a Covid-19 em Arapiraca

  • Redação
  • 22/07/2021 20:21
  • Cidade

A Prefeitura de Arapiraca amplia a faixa etária de vacinação contra a Covid-19 nesta sexta-feira (23). Arapiraquenses com 33 anos ou mais já podem procurar um dos três postos de vacinação e receber a sua primeira dose.

Sesc Arapiraca, Drive Thru do Arapiraca Garden Shopping e Ginásio da Escola Pedro Reis vão funcionar das 9h às 16h.

Para se vacinar, o arapiraquense precisa levar documento oficial com foto, CPF, comprovante de residência em seu nome, e o Cartão Nacional do Sus, que deverá estar atualizado. Caso o cidadão não tenha comprovante de residência em seu nome, deve procurar sua Unidade Básica de Saúde de referência para solicitar o cartão do posto.

Arapiraca também segue aplicando a segunda dose nos arapiraquenses que já estão em tempo de recebê-la, e também em gestantes e puérperas. É importante lembrar que a apresentação de prescrição médica é obrigatória para esse grupo.

Rotary Club de Arapiraca empossa nova diretoria

  • Blog do Paulo Marcelo
  • 20/07/2021 08:32
  • Cidade

O novo Conselho Diretor do Rotary Club de Arapiraca foi empossado, na última sexta-feira (16), em sua Sede Social, no Bairro São Luiz. O rotariano Waldson Kleber Ernesto Bezerra (Klebinho) tomou posse como presidente na gestão (2021-2022). Na oportunidade, também foi empossada a nova gestão da Casa da Amizade de Arapiraca tendo à frente a companheira Gizélia Cláudia Chaves Ernesto Bezerra.

O novo presidente do RC Arapiraca destacou o papel do Rotary na sociedade e pretende manter as ações implementadas pela gestão anterior. Klebinho disse que é hora de engajamento e que o Rotary não irá cruzar os braços diante dos novos desafios e problemas sociais causados pela Covid-19.

"Não devemos cruzar os braços, não podemos ficar parados diante das desigualdades e dos problemas sociais que surgiram diante dessa pandemia. Nosso dever é servir e agora, mais ainda, temos que estar engajados em servir e ajudar o próximo, amenizando as diferenças. Não podemos fechar os olhos diante de tanta desigualdade, da falta de acolhimento a comunidades carentes”, disse Klebinho.

Nas palavras do Presidente do Rotary Internacional (RI), Shekhar Mehta, da Índia, o lema “Servir para Transformar Vidas” incentiva os rotarianos a se envolverem mais em projetos humanitários. Esta é a segunda vez que o companheiro Kleber Ernesto assume a presidência do RC Arapiraca, clube que conta com 40 associados. Kleber e Gizélia assumem nos lugares do casal Jailton e Adjane de Araújo.

Estiveram presentes os ex-Governadores do Distrito 4390 (atual 4391) José Firmino e Adailton Reis e o Governador Eleito para a gestão 2022-2023, Cláudio Canuto, associados representativos e o prefeito Luciano Barbosa. O atual Governador Distrital Jotta Alves foi representado pelo governador assistente, Denis Moura. 

Na ocasião, Walber Bezerra, filho do presidente empossado, ao lado de sua esposa, Larissa Cajueiro Bezerra, tomaram posse como novos associados dos respectivos clubes.

Hospital de Emergência e a capacidade de se reinventar em tempos de Covid-19

  • Ascom HEA
  • 19/07/2021 09:09
  • Cidade

Em março do ano passado a normalidade mundial passou a ter novo significado. Para a rotina do Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, não foi diferente. Até então, atendimentos por excelência se restringiam ao trauma, porém, mudanças chegaram e mostraram para o mundo como os profissionais conseguiram se reinventar, fazendo do HE do Agreste uma referência, também, em atendimentos a pacientes vítimas da Covid-19. A prova de que a unidade passou a ser especialista na assistência a pessoas acometidas pelo novo coronavírus está no total de assistidos. De maio do ano passado até a primeira quinzena de julho deste ano, foram mais de 1.600 usuários recuperados da Covid-19.

“Somos dois hospitais num só”. A afirmação é da fonoaudióloga Bárbara Albuquerque, gerente-geral do HEA, ao salientar esta capacidade que a unidade hospitalar tem de se readaptar e não perder qualidade nos serviços oferecidos à população. “Tínhamos uma rotina de atendimentos de trauma. Por causa da Covid-19, tivemos que nos redescobrir, buscar força na história do próprio HEA”, salienta.

Bárbara lembra como foi a abertura de leitos para atender pacientes da Covid-19. “A gente se apertou, mudou a estrutura, mas, abriu as portas para salvar mais vidas, porque este sempre foi o objetivo do HEA. Não foi fácil, porque era tudo muito novo, não havia muita informação, e, mesmo assim, encaramos a situação com uma equipe unida e disposta a seguir o caminho de ajudar os pacientes”, relata a gerente da unidade.

Ela lembra, ainda, que ampliar o sistema de acolhimento, sem reduzir a qualidade do atendimento de traumas também é uma vitória para todos. “Imagine você assumir uma responsabilidade como é tratar a Covid-19 e, ao mesmo tempo, com o hospital aberto, manter o nível de qualidade que ele já havia conquistado? O setor de trauma não reconhece isolamento social. Os números de pacientes dando entrada na ala de trauma continuaram altos. Mesmo assim, não houve prejuízo para a população”, comemora Bárbara Albuquerque.

Leitos Covid-19 – Além dos leitos já existentes para atender pacientes politraumatizados, o HEA conta com mais 100 vagas exclusivas para assistir pessoas com a Covid-19. Deste número, são 40 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 60 Clínicos, conforme dados da Central de Regulação de Leitos da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Entre temores e dúvidas, as ações firmes e a união mantiveram o hospital nos eixos. Bárbara Albuquerque enaltece como os profissionais se comportam no dia a dia. “Em nenhum momento tivemos caos. Não é fácil gerenciar dois hospitais na mesma estrutura e, com tudo tão diferente entre si. A equipe estuda, cumpre tarefas e faz com que o ambiente onde trabalha seja salutar. Estamos dando conta. São dois hospitais num só, mas, quem trabalha aqui, tem a mesma linha de raciocínio: salvar vidas”, destaca a gerente do HEA.

Visita de Alexandre Ayres ao HEA é marcada por celebração à vida e valorização dos servidores

  • Assessoria
  • 10/07/2021 08:29
  • Cidade

A visita do secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, ao Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, nesta sexta-feira (9), foi marcada por emoção, em mais uma vitória diante da Covid-19 e valorização dos servidores públicos. Acompanhado pela gerente-geral da unidade, Bárbara Albuquerque, o gestor esteve em vários setores e garantiu medidas para valorização dos servidores e melhorias para a estrutura hospitalar.

O secretário participou da celebração da alta hospitalar de Adriana Pereira da Silva, de 40 anos, que esteve internada no HEA por 21 das, sendo 15 deles na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Depois de superar a Covid-19, em um momento de muita felicidade, Adriana recebeu das mãos de Alexandre Ayres uma folhinha, com o nome dela, para ser fixada na Árvore da Vida.

Adriana, emocionada, agradeceu a todos do hospital pelos cuidados e humanização do tratamento. “Obrigado, Deus abençoe todos vocês”, disse. A agora ex-paciente do HEA foi pra casa com a mãe, abraçada pelo carinho dos profissionais da saúde do hospital.

Nutrição – Em seguida, o secretário visitou a obra das novas instalações do Serviço de Nutrição e Dietética (SND). O serviço já é oferecido pelo hospital, mas, num local temporário. Neste novo espaço, o SND continuará produzindo, em média, cerca de 1.200 refeições diárias, que são servidas a pacientes e acompanhantes. “Este serviço precisava passar por melhorias e não vamos medir esforços para atingir as metas de pleno funcionamento”, afirmou Ayres.

Segundo Julyanna Bernardino, coordenadora do SND, a visita do secretário foi bastante promissora. “O novo espaço do SND vai oferecer mais conforto para os servidores, ainda mais segurança e qualidade na produção das refeições que são oferecidas a pacientes e acompanhantes do hospital”, disse

Atendimento Humanizado – Em conversa com servidores do HEA, o secretário ressaltou a importância de todos no atendimento humanizado do Hospital de Emergência do Agreste. Agradeceu pelo empenho e garantiu melhorias e avanços em diversos setores, visando continuar valorizando os servidores e a humanização dos serviços.

“Tenho que agradecer a participação e dedicação de todos neste período tão complicado de pandemia. Este esforço garante a humanização do serviço oferecido aos pacientes e, cabe a gente, garantir as condições de trabalho para os servidores. Nosso compromisso é continuar respeitando a função de cada um e o desafio diário desta rotina”, garantiu Alexandre Ayres.

Para a gerente do HEA, receber a visita do secretário de Estado da Saúde na unidade hospitalar foi motivo de satisfação para os gestores e servidores. “É sempre uma satisfação receber o nosso secretário de Saúde, que vem trabalhando incessantemente, para reestruturar o Hospital de Emergência do Agreste. O hospital tem uma importância muito grande para o nosso Estado, pois, há 18 anos, tem a missão de salvar vidas. A Covid-19 só veio para confirmar o nosso compromisso com a população. Hoje o secretário veio ouvir as demandas dos nossos servidores e conferir as obras do SND que, em breve, será entregue totalmente reformado. Tenho muito orgulho de fazer parte dessa equipe”, comentou a gerente-geral do HEA, Bárbara Albuquerque.

Pessoas de 37 anos podem se vacinar a partir desta quarta (07) em Arapiraca

  • Redação com Assessoria
  • 07/07/2021 07:55
  • Cidade

Arapiraca retoma a vacinação contra a Covid-19 a partir desta quarta-feira (7) com redução da faixa etária do público alvo.

A partir desta quarta-feira (7), os arapiraquenses com 37 anos ou mais podem procurar um dos postos de vacinação para receber a primeira dose do imunizante.

Sesc Arapiraca, Drive Thru do Arapiraca Garden Shopping e Ginásio da Escola Pedro Reis vão funcionar normalmente, das 9h às 16h.

Arapiraca é uma das cidades que mais vacinou contra a Covid-19. Por aqui, 108.401 doses já foram aplicadas, sendo 79.296 como primeira dose, e 29.105 como segunda.

Vacinação Solidária
A campanha Vacinação Solidária segue arrecadando alimentos em Arapiraca com o objetivo de levar esperança para famílias em situação de vulnerabilidade social. Sendo assim, a Prefeitura de Arapiraca reforça que os postos de vacinação contra a Covid-19 também estão funcionando como pontos de arrecadação de alimentos e itens de higiene pessoal, que serão utilizados para a montagem de cestas básicas.

Remanescentes
Apesar da vacinação estar sendo direcionada, agora, para a população que não faz parte dos grupos prioritários, os arapiraquenses remanescentes que fazem parte de algum dos grupos e que, por quaisquer motivos que sejam, ainda não tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid, ainda pode procurar um dos postos de vacinação.

Ao som de violino, paciente recebe alta no Hospital de Emergência em Arapiraca

  • Assessoria
  • 07/07/2021 07:44
  • Cidade

O som do violino indicou o caminho para dona Guiomar Cândido da Silva, de 54 anos. Após mais de 30 dias internada no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, ela recebeu alta após se recuperar de Covid-19. E foi ouvindo acordes do violino, aplausos de familiares e de profissionais da saúde, que dona Guiomar deixou a unidade hospitalar nesta terça (6).

O policial militar e artista muito conhecido em Arapiraca, Paulo Cândido, um dos três filhos dela, fez questão de ressaltar a importância dos profissionais do HEA envolvidos no atendimento a dona Guiomar. “Minha mãe foi intubada duas vezes. Nós rezamos, pedidos a Deus e Ele colocou anjos para cuidar dela. E estes anjos trabalham aqui no Hospital de Emergência do Agreste. A equipe do hospital é sensacional. Muito obrigado, muito obrigado”, disse Paulo.

Ele quem comandou os acordes do violino sabendo o quanto a mãe ama a musicalidade. “Posso ficar o resto da vida tocando violino pra ela. Minha mãe merece todas as homenagens do mundo”, enfatizou, enxugando as lágrimas que molhavam o sorriso de felicidade.

Peça Musical – Música, aplausos, sorrisos, cartazes de amor e lágrimas. Foi, praticamente, o enredo de uma peça musical que teve dona Guiomar como personagem principal. Ela, no papel de heroína mais forte que o adversário, deixou os corredores do hospital atravessando um corredor humano acalorado de carinho e amor.

Na última etapa de recuperação na enfermaria, dona Guiomar teve a companhia da sobrinha, Maria das Neves da Silva, que é auxiliar de enfermagem. “Todos os servidores do hospital são maravilhosos. Foram muito atenciosos e carinhosos com ela”, revelou Neves, como é conhecida.

A heroína Guiomar salientou que foi muito bem cuidada neste período de internação. “Obrigada a todos que cuidaram de mim, que oraram pela minha recuperação”, disse.

“A gente, diariamente, vem fazendo reflexões com a equipe para acolher o máximo possível os pacientes. A gente sabe o quanto o isolamento fragiliza emocionalmente e esta forma acolhedora é para estreitar a relação com o paciente e suprir a falta da família no período de internação”, falou Bárbara Albuquerque, gerente-geral do Hospital de Emergência do Agreste.

Nesta peça com final feliz e heroína saindo do hospital com um crucifixo na mão, símbolo da vitória, os anjos, acostumados a tocar arpas no mundo das artes, apreciaram a delicadeza dos acordes do violino.

 

Incêndio em fiação de poste atinge mercadinho no bairro Planalto

  • Redação
  • 06/07/2021 09:46
  • Cidade

Na madrugada desta terça-feira (6) um incêndio que iniciou na rede elétrica de um porte atingiu um mercadinho localizado no bairro Planalto, periferia de Arapiraca.

De acordo com as informações do Corpo de Bombeiros Militar (CBM), as chamas iniciaram na fiação de um poste e acabou atingindo o estabelecimento comercial. A parte lateral do imóvel foi afetada, devido ao prolongamento da fiação.

Ainda segundo o CB, foram empregadas quatro viaturas e onze militares para conter as chamas, que foram combatidas com êxito. Houve necessidade de acionar a Equatorial para atuar na parte elétrica. 

Arapiraca é o município com maior incidência de infecção da Covid-19 em Alagoas

  • Redação
  • 06/07/2021 09:33
  • Cidade
Foto: Agência O Globo
Leitos de Covid-19

Os casos de Covid-19 no município de Arapiraca continuam colocando em evidência a necessidade do cumprimento das medidas sanitárias para evitar a contaminação da doença.  De acordo com o relatório do Observatório Alagoano de Políticas Públicas de Enfrentamento à Covid-19 (OAPPEC), da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), a cidade tem tido a maior incidência de casos em todo Estado. 

O município chegou a registrar 341 casos por  cada cem mil habitantes, seguida pela 10ª e 8ª RS, com 175 e 173 casos por cem mil habitantes. No entanto, o número de mortes continua sendo liderado pela 10ª Região de Saúde registrou 8,1 mortes por cem mil habitantes. 

Em seguida, aparece Arapiraca (6,0) e a 1ª RS (5,4). Em todo o estado, a média foi de 146 novos casos e 4,2 novas mortes para cada 100 mil habitantes. 

Enquanto a capital apresenta uma diminuição do número de leitos, o interior continua com os números altos em algumas cidades, como Arapiraca e Coruripe, mas as internações tem sido menor com relação ao período anterior. 

Em Arapiraca, 73 dos 75 leitos de UTI estão ocupados, o que corresponde a 97%. Já em Coruripe, todos os 15 leitos ofertados estão preenchidos.

Clima tenso: Ambulantes são obrigados a deixar o centro de Arapiraca

  • Redação
  • 02/07/2021 19:48
  • Cidade

Uma ação cobrada há anos por comerciantes formais foi realizada, nesta sexta-feira (2), no Centro Comercial de Arapiraca. Guardas municipais, fiscais da prefeitura e militares promoveram a remoção de comerciantes informais, os chamados vendedores ambulantes. 

O clima chegou a esquentar no início da tarde com a chegada de ambulantes que comercializam seus produtos apenas no segundo horário, como vendedores de alimentos e bebidas. Os mais resistentes à fiscalização tiveram seus matérias e produtos apreendidos pela Polícia Militar; as imagens da ação ganharam rapidamente as redes sociais e as pessoas culparam o prefeito Luciano Barbosa pela decisão e falta de bom senso. 

Em meio a uma crise econômica vivida pela população, o comércio informal cresceu bastante e tomou os espaços públicos da cidade. Por conta disso, houve resistência e muitos não aceitaram ser transferidos para outras áreas definidas pela prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo. 


 

 

HEA procura familiares de paciente de Olho D'água das Flores vítima de agressão

  • Assessoria
  • 01/07/2021 16:57
  • Cidade

Em nota enviada à imprensa, o Serviço Social do Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, informa que está à procura de familiares de um paciente, não identificado, de 25 anos, vítima de agressão física, proveniente de Olho d'Água das Flores, no Sertão alagoano.

O paciente deu entrada no HEA nas primeiras horas desta quinta-feira. Ele está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em estado grave.

Não foi possível fazer o registro fotográfico do paciente. Mas, a expectativa é que as informações acima passadas possam chamar a atenção de familiares e amigos.

Quem puder ajudar na localização de familiares do paciente, favor entrar em contato pelos telefones (82) 3529-2488 ou 3529-2450.

Arapiraca vacina população com 39 anos contra covid-19 a partir desta quinta (01)

  • Assessoria
  • 30/06/2021 20:19
  • Cidade

O São João da Vacinação acabou, mas a aplicação de doses continua em Arapiraca. E por conta disso a Prefeitura vai iniciar o mês de julho reduzindo a faixa etária de vacinação contra a Covid para 39 anos

A partir desta quinta-feira (1º), os arapiraquenses que fazem parte do grupo já poderão procurar um dos postos de vacinação contra a Covid-19 e receber a primeira dose do imunizante.

Arapiraca ultrapassou as 100 mil doses aplicadas, sendo mais de 71 mil como primeira dose e 28,5 mil como segunda.

Vacinação Solidária

A campanha Vacinação Solidária segue arrecadando alimentos em Arapiraca, com o objetivo de levar esperança para famílias em situação de vulnerabilidade social. Sendo assim, a Prefeitura de Arapiraca, reforça que os postos de vacinação contra a Covid-19 também estão funcionando como pontos de arrecadação de alimentos e itens de higiene pessoal, que serão utilizados para a montagem de cestas básicas.

Remanescentes

Apesar da vacinação estar sendo direcionada, agora, para a população que não faz parte dos grupos prioritários, os arapiraquenses remanescentes que fazem parte de algum dos grupos e que, por quaisquer motivos que sejam, ainda não tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid, ainda pode procurar um dos postos de vacinação. 

Sargento da reserva da PM é mais uma vítima fatal do Covid-19 em Arapiraca

  • Redação
  • 30/06/2021 08:20
  • Cidade

Mais um policial militar arapiraquense é vítima da Covid-19. Nesta terça-feira (29), faleceu o sargento da reserva, Itamar de Oliveira Ferreira, de 56 anos.

De acordo com as informações repassadas, o militar estava internado há mais de um mês no Hospital de Emergência do Agreste infectado pelo novo coronavírus.

Itamar ingressou na PM no ano de 1985 e se aposentou em 2015. Ele também era goleiro do time do 3º BPM.

O horário e local do sepultado ainda não foram divulgados.

Arapiraquense, que cursava Medicina em Brasília, morre de Covid-19

  • Redação
  • 27/06/2021 09:30
  • Cidade

O arapiraquense, estudante de medicina, Diogo Novais, aos 36 anos, faleceu na noite de ontem, sábado, 26, vítima da covid-19. Diogo faleceu em Brasília, no Distrito Federal, onde estava internado com 90% do pulmão comprometido.

Diogo Novais é filho do professor Valdir e irmão dos médicos Waldijane , Valmir e Raymundo Fagner. Ele morava no bairro Eldorado, em Arapiraca e iria fazer 37 anos no dia 08 de julho. Diogo Novais deixou três filhos.

 O estudante de medicina estava há 2 anos da formação e estagiando em um Hospital de Brasília. Após ser constatado o quadro de covid-19, ele foi internado em uma unidade médica em Luziania, 50 km de Brasília. 

O quadro de saúde de Diogo piorou rapidamente e ele faleceu durante a noite, horas depois do médico Raymundo Fagner, chegar Distrito Federal para acompanhar o tratamento do irmão.

Covid-19: Arapiraca inicia vacinação para pessoas acima de 44 anos neste sábado (26)

  • Redação com Assessoria
  • 25/06/2021 21:36
  • Cidade

Eita, que o São João da Vacinação da Prefeitura de Arapiraca tá arretado de bom, e segue avançando na imunização dos arapiraquenses. A partir deste sábado (26), as pessoas com 44 anos já podem procurar um dos três postos de vacinação e receber a primeira dose.

Neste sábado, os três postos de vacinação vão funcionar das 9h às 16h. Já no domingo, apenas o Sesc Arapiraca estará aberto, das 8h às 14h.

Vacinação Solidária

A campanha Vacinação Solidária segue arrecadando alimentos em Arapiraca, com o objetivo de levar esperança para famílias em situação de vulnerabilidade social. Sendo assim, a Prefeitura de Arapiraca, reforça que os postos de vacinação contra a Covid-19 também estão funcionando como pontos de arrecadação de alimentos e itens de higiene pessoal, que serão utilizados para a montagem de cestas básicas.

Remanescentes

Apesar da vacinação estar sendo direcionada, agora, para a população que não faz parte dos grupos prioritários, os arapiraquenses remanescentes que fazem parte de algum dos grupos e que, por quaisquer motivos que sejam, ainda não tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid, ainda pode procurar um dos postos de vacinação.

MP recomenda que bancos e lotéricas de Arapiraca devem cumprir distanciamento entre clientes

  • Ascom MP/AL
  • 22/06/2021 09:18
  • Cidade

O Ministério Público do Estado de Alagoas (MPAL) recomendou às agências bancárias e loterias de Arapiraca que cumpram o Decreto Estadual no. 70.145/20, que exige medida de segurança para se evitar a disseminação do novo coronavírus. O documento foi enviado às gerências dessas unidades nesta segunda-feira (21).

A recomendação foi expedida por meio da 4ª e da 11ª Promotorias de Justiça de Arapiraca, através dos promotores de Justiça Rogério Paranhos e Lucas Mascarenhas, após o MPAL realizar fiscalização, no último dia 18, que contou com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde, da Vigilância Sanitária, da SMTT e do 3o. Batalhão de Polícia Militar. “Na ocasião, pudemos constatar a existência de filas na parte externa de diversas agências bancárias, onde os usuários/clientes estavam expostos ao sol e a chuva, sem o distanciamento mínimo exigido pelo Decreto Estadual no. 70.145, de 22 de junho deste ano, expedido pelo governo do Estado de Alagoas, e, ainda, sem respeito às prioridades previstas na Lei Federal no. 10.048, de novembro de 2000, que trata sobre as pessoas com deficiência, idosos com idade igual ou superior a 60 anos, gestantes, lactantes e pessoas com crianças de colo e obesos. Todo esse público deve ser tratado com a máxima prioridade”, afirmaram Rogério Paranhos e Lucas Mascarenhas.

O que deve ser feito
Na recomendação, o MPAL orienta que agências bancárias e casas lotéricas de Arapiraca deem cumprimento imediato às medidas sanitárias previstas no artigo 7o do já referido decreto, notadamente “a medida de organização de filas e de distanciamento mínimo de 1,5m (um metro e meio) entre as pessoas”.

Elas também deverão adota ações no sentido de “dar tratamento digno aos seus usuários que estejam do lado externo dos estabelecimentos, de modo que eles não fiquem expostos ao sol e a chuva, obedecendo ainda as prioridades legais nos atendimentos diários, “sob pena de multa e interdição”.

O MPAL recomenda ainda a disponibilização de um ou mais funcionários, durante todo o horário de utilização de toldos no lado externo das agências bancárias ou casas lotéricas para a organização das filas que surgirem e para que sejam respeitadas as prioridades previstas em lei, a fim de evitar-se aglomerações passíveis de aumentar a proliferação do vírus da Covid-19.

Os estabelecimentos terão prazo de 72 horas para informar ao Ministério Público sobre as medidas adotadas para o devido cumprimento da recomendação.

Arapiraca começa a vacinar pessoas com 46 anos ou mais contra a Covid-19 nesta terça (22)

  • Assessoria
  • 21/06/2021 20:12
  • Cidade

Mais uma vez Arapiraca reduz a faixa etária de vacinação contra a Covid-19. A partir desta terça-feira (22/06), os arapiraquenses com 46 anos ou mais podem procurar um dos postos de imunização para receber sua dose.

As vacinas serão aplicadas exclusivamente nos postos do Sesc Arapiraca e do Ginásio da Escola Pedro Reis.

O ar-condicionado do Drive Thru do Arapiraca Garden Shopping apresentou problema e, como a vacina da Pfizer exige um acondicionamento mais baixo, a aplicação desse imunizante está suspensa no local.

Vacinação Solidária

A campanha Vacinação Solidária segue arrecadando alimentos em Arapiraca, com o objetivo de levar esperança para famílias em situação de vulnerabilidade social. Sendo assim, a Prefeitura de Arapiraca, reforça que os postos de vacinação contra a Covid-19 também estão funcionando como pontos de arrecadação de alimentos e itens de higiene pessoal, que serão utilizados para a montagem de cestas básicas.

Cultura arapiraquense de luto: Morre, aos 71 anos, o cantor e sanfoneiro Afrísio Acácio

  • Adalberto Custódio
  • 17/06/2021 12:27
  • Cidade

A cultura arapiraquense está em luto. Morreu nesta quinta-feira (17) o cantor e sanfoneiro Afrísio Acácio, que desde meados do mês de maio lutava contra complicações da Covid-19.

Afrísio Acácio tinha 71 anos e estava internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Universitário (HU), localizado na parte alta de Maceió.

Em maio, Afrisio foi acometido pela Covid e chegou a ficar alguns dias internado no Hospital de Emergência do Agreste. Após receber alta, o sanfoneiro começou a apresentar alguns problemas de saúde e precisou novamente ser hospitalizado, desta vez num hospital de Maceió.

Ainda não há informações sobre o local de velório e sepultamento.

HE do Agreste oferece capacitação para condutores de veículos de urgência

  • Assessoria
  • 15/06/2021 11:51
  • Cidade

O Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, oferece, através do Núcleo De Educação Permanente (NEP) , curso de capacitação dos condutores de veículos de urgência da unidade em Arapiraca. É a primeira vez que o curso é ofertado aos condutores graças ao resultado da parceria do HEA, Superintendência de Transportes e Trânsito de Arapiraca, Samu e Corpo de Bombeiros. As aulas são divididas em módulos. O curso tem duração de 60 horas.

Entre os assuntos que serão apresentados ao longo do curso estão a importância do condutor de veículo de emergência, deveres, noções de urgência e emergência, direção defensiva, legislação, Código de Trânsito Brasileiro, técnicas de transporte: embarque e desembarque, aceleração e desaceleração. Também estão na programação prevenção e combate a princípio de incêndio, noções básicas de Libras, aumento da produtividade, administração do tempo e liderança em serviço, além de relacionamento interpessoal e suporte básico de vida.

E, obviamente , tem um módulo específico sobre segurança no trabalho e biossegurança no ambiente de trabalho, contando ainda cuidados em transporte de paciente com doenças infectocontagiosas como covid-19. “É a primeira vez que o curso é oferecido no Hospital de Emergência do Agreste. Os 9 condutores de ambulância do Hospital participam destas atividades que são repletas de muita informação e que serão primordiais para a rotina dos profissionais. Eles são responsáveis por transportes para exame, transferências, somente casos de urgência”, disse Jean Marinho Vital, coordenador do Núcleo de Educação Permanente (NEP).

Com UTIs no limite, aglomerações e filas são registradas em agências bancárias de Arapiraca

  • Redação
  • 15/06/2021 08:05
  • Cidade

Enquanto parte das lojas do centro foram obrigadas a fechar as portas às segundas-feiras, segundo decreto estadual, a maioria das agências bancárias de Arapiraca seguem promovendo filas quilométricas, promovendo aglomeração e, consequentemente, insegurança sanitária.

Nesta segunda-feira (14) diversas imagens surpreendentes. Filas de agências diferentes chegaram a se encontrar devido a quantidade de gente. A agência da Caixa Econômica localizada na Avenida Rio Branco ficou tão grande que se encontrou, na rua Estudante José de Oliveira Leite, com a fila da agência do Banco do Brasil localizada na rua Fernandes Lima.

As irregularidades já vem há vários dias e, segundo fontes ligadas às agências, são devido a prova de vida para aposentados e pensionistas, que voltou a ser presencial graças a uma exigência do Governo Federal desde o dia 1º de junho.

Devido a pandemia de coronavírus, desde março de 2020 a prova de vida estava suspensa, tendo em vista que grande parte dos segurados que precisam realizar o exame faz parte do grupo de risco da doença.

As filas quilométricas resultaram numa mega ação da Vigilância Sanitária Municipal, que visitou, nesta segunda-feira (14), todas as agências bancárias na cidade, e encontrou irregularidades sanitárias em 70% delas.

De acordo com o coordenador municipal do órgão, enfermeiro Diego Albuquerque, a ação foi uma determinação do prefeito Luciano Barbosa e da secretária de Saúde Luciana Albuquerque.

"As instituições foram notificadas e autuadas para que resolvam suas pendências e mantenham a segurança de clientes e colaboradores", explicou Diego. Ainda segundo o órgão, a participação da população nas denúncias é fundamental para que esse tipo de fiscalização aconteça. 

Os bancos foram alvo da ação seguindo um planejamento feito pela própria Vigilância, mas as denúncias podem ser feitas ao órgão através da Ouvidoria SUS, pelos números 0800 282 3331 ou 3521-1064.

Servidores municipais farão caminhada em protesto na próxima quarta (16) em Arapiraca

  • Redação
  • 14/06/2021 10:16
  • Cidade

Servidores aposentados, pensionistas e ativos da Prefeitura de Arapiraca estão anunciando um grande manifestação nesta quarta-feira (16) com concentração inicial na Praça da Prefeitura no centro da cidade, e em seguida caminhada pelo comércio de Arapiraca até o Centro Administrativo no bairro Santa Edwiges. 

De acordo com os organizadores do movimento, o objetivo é buscar um diálogo com o prefeito Luciano Barbosa. Na pauta das reivindicações estão como principais reivindicações; 01- Reposição de 5% 02- Precatório Já 03- Concurso público já 04-Fundo velho e fundo novo aposentados e pensionistas. 

 

Professor universitário arapiraquense morre vítima de Covid-19

  • Redação
  • 14/06/2021 10:12
  • Cidade
Foto: Redes sociais
Professor Edvaldo Albuquerque

O professor universitário arapiraquense Edvaldo Albuquerque, morreu nesse domingo (13), em decorrência da covid-19. Conforme as informações repassadas, o Mestre em Educação pela Universidade Federal de Alagoas, chegou a tomar a primeira dose da vacina contra a covid-19, no dia 07 de maio, porém não teve tempo de tomar a segunda dose.

Através de post nas redes sociais, Edvaldo comemorou o dia que tomou a primeira dose da vacina e escreveu emocionado: "Hoje acordei cedo e fui encarar a fila. A fila esperada por milhões de humanos desse nosso planeta. Foram incontáveis dias intensos e angustiantes esperando esse momento, assim como milhões de brasileiros. Difícil descrever o sentimento vivido entre o olhar pro relógio e a abertura do portão da Escola Estadual Professora Izaura Antônia de Lisboa (Arapiraca), apenas chorei! Na última imagem fiz questão de trazer Enaura, a menina que me recebeu com um sorriso nos olhos e me fez chorar mais uma vez!", publicou.

A atriz e produtora Ivana Iza publicou em suas redes sociais que "Edvaldo agora vive no encantado, seus sorrisos alegrarão em outro plano e por aqui sentiremos saudades, muitas saudades!".

Já o perfil do Theatro Homerinho nas redes sociais publicou que ele fará falta na plateia. "Estamos em luto pela lamentável perda do amigo, incentivador e colaborador Edvaldo Albuquerque, nosso amado Ed, que fará imensa falta em nossa plateia.Que siga na luz e seja recebido com louvores pelos anjos. A Covid- 19 continua levando gente linda e de alma nobre".

Vendedores ambulantes de Arapiraca são contrários à realocação fora no centro comercial

  • Redação com NN1
  • 13/06/2021 10:30
  • Cidade

A equipe de reportagem da Rádio 91.5 FM conversou, na manhã desta sexta-feira (11/06), com Edson Bezerra Lima, presidente da Associação dos Vendedores Ambulantes de Arapiraca, sobre a realocação dos camelôs que atuam no centro comercial da cidade.

De acordo com Edson Bezerra, a Prefeitura de Arapiraca já concluiu o processo de recadastramento para fazer um levantamento sobre a faixa etária do vendedores ambulantes e agora será feita a realocação.

“Nós já tivemos reuniões com a Prefeitura para falar sobre essa realocação. Nós não somos contra essa reorganização, somos sim a favor, mas precisamos continuar trabalhando no centro comercial de Arapiraca porque os nossos clientes estão no centro”, reivindica.

Para os vendedores ambulantes, a realocação tem de ser feita por setores, ou seja, quem já trabalha no centro deve permanecer no centro e quem trabalha nos bairros deve permanecer trabalhando nos bairros. “O Mercado Público já foi reorganizado e agora será a vez de organizar os vendedores ambulantes. “Nós queremos trabalhar de forma organizada no centro da cidade, onde estão os nossos clientes”, ressalta.

A emissora entrou em contato com a Prefeitura de Arapiraca para solicitar um posicionamento em relação à reivindicação dos vendedores ambulantes. A assessoria enviou a seguinte nota:

“A Prefeitura de Arapiraca, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, informa que o programa Arapiraca Legal tem o objetivo de reorganizar as ruas do centro comercial de Arapiraca. Sendo assim, os permissionários que atuam em locais irregulares, como vagas de estacionamento destinados a idosos, pessoas com deficiência e gestantes, estão sendo realocados para locais mais seguros, garantindo uma melhor experiência na comercialização de seus produtos.

Os locais que estão disponíveis para realocação desses permissionários são: Mercado Público Municipal, Mercado do Artesanato, Mercado Verde, Mercado do Atacado, Feira Fixa da Fumageira e Shopping Popular.”

Próxima do colapso: Arapiraca está com 97% dos leitos de Covid ocupados

  • Redação
  • 11/06/2021 09:26
  • Cidade
Imagem: Eduardo Anizelli/Folhapress
Covid-19

A taxa de ocupação de Unidade de Terapia intensiva (UTI) para tratar pacientes com Covid-19 em Alagoas está em 90%, segundo a última atualização do boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulgado nesta quinta-feira (10). Arapiraca continua mantendo uma taxa de ocupação preocupante, 97%.

Conforme os dados da Sesau, dos 390 leitos de UTIs exclusivos para Covid-19, 352 estão com pacientes. A ocupação de leitos do tipo em Maceió é de 89%. Já no interior a taxa é de 92%.

Dos 220 leitos de UTI/Covid da capital alagoana, 195 já estão com pacientes. No interior, 157 pessoas estão em leitos de UTI, em tratamento contra a covid, restando apenas 13, dos 170 destinados a receber pacientes com a doença.

Nesta quinta-feira, Alagoas registrou mais 870 novos casos de Covid-19 e 21 mortes em decorrência da doença. O estado tem, até o momento, um total de 200.870 casos confirmados do novo coronavírus e soma 4.943 óbitos. Há ainda 16.237 casos em observação laboratorial e 191.693 recuperados.


 

 

Arapiraca vacina população com 50 anos ou mais a partir desta sexta (11)

  • Redação com Assessoria
  • 11/06/2021 09:23
  • Cidade

Cinquentou' na imunização contra a Covid-19 em Arapiraca! O prefeito Luciano Barbosa anunciou, na tarde desta quinta-feira (10), a ampliação da faixa etária de vacinação para 50 anos ou mais. A partir desta sexta (11), o grupo já receber a primeira dose do imunizante.

Mas atenção! como a vacina destinada para os arapiraquenses com 50 e 51 anos é a Pfizer, os locais de vacinação para esse público são o Sesc Arapiraca e o Ginásio da Escola Pedro Reis, das 9h às 16h.

O Drive Thru do Arapiraca Garden Shopping também estará aberto, mas continuará recebendo o público acima de 52 anos, e remanescentes dos grupos prioritários que ainda não tomaram a primeira dose da vacina.

Arapiraca é uma das cidades que mais avançou na vacinação contra a Covid-19. Por aqui, cerca de 77 mil doses de imunizantes já foram aplicados até o momento.

Vacinação Solidária

A campanha Vacinação Solidária segue arrecadando alimentos em Arapiraca, com o objetivo de levar esperança para famílias em situação de vulnerabilidade social. Sendo assim, a Prefeitura de Arapiraca, reforça que os postos de vacinação contra a Covid-19 também estão funcionando como pontos de arrecadação de alimentos e itens de higiene pessoal, que serão utilizados para a montagem de cestas básicas.

Remanescentes

Apesar da vacinação estar sendo direcionada, agora, para a população que não faz parte dos grupos prioritários, os arapiraquenses remanescentes que fazem parte de algum dos grupos e que, por quaisquer motivos que sejam, ainda não tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid, ainda pode procurar um dos postos de vacinação.