Postado em 09/04/2010 às 07:28 por Redação em Cultura 0

O Lugar da Criação destaca Persivaldo Figueirôa

Artista plástico abre as postas da residência/ateliê para equipe da TV Educativa




Por Redação

Assessoria

Radicado em Maceió há quase trinta anos, o artista plástico pernambucano Persivaldo Figueirôa será o destaque do programa O Lugar da Criação, exibido pela TV Educativa de Alagoas (TVE), que vai ao ar nesta segunda-feira (12), às 20h30 - com reprise às quintas-feiras, às 19h30, e aos sábados, às 12h30. O programa tem produção, captação e edição do Jornalista Roberto Amorim.

Tendo como principal marca o gosto em retratar a religiosidade nordestina, a paixão pelas cores primárias e a distorção de figuras, Persivaldo abre as portas da sua residência/ateliê para a equipe do programa e fala um pouco da sua trajetória, influências e elementos que compõem suas criações. A obra do artista será comentada pelo professor e também artista plástico Edmilson Salles.

Figueirôa retrata em suas obras a paixão pelas feiras populares e de artesanato, os parques de diversão e o teatro de fantoches, vivenciados na infância e que ainda continuam a nortear suas lembranças e a inspirar suas obras. Também é possível reconhecer em seu trabalho multicolorido influências do folclore alagoano e o gosto por sereias, peixes e, sobretudo, pelo mar, tendo estilo figurativo, com grande influência abstrata. “Através de minha pintura procuro retratar os costumes e tradições do povo nordestino, valorizando a cultura e a religiosidade, enfatizando o colorido e a alegria da região dentro de uma proposta contemporânea”, enfatiza o artista.

O trabalho de Persivaldo está exposto em cartões telefônicos da Telemar, Catálogo Arte Popular de Alagoas e cadastro arte maior de Alagoas. Também participou de diversas exposições coletivas e individuais. Em março de 2003 expôs na Bélgica, cidade de Hasselt. E é curador, junto com o professor Fernando Lôbo, da exposição itinerante “Rádio Difusora: 60 anos de pioneirismo e inovação”, que faz parte das comemorações dos 60 anos da emissora.

Também foi selecionado e premiado diversas vezes no salão TRT de Pintores Alagoanos (1998, 2000, 2001 e 2003), conquistando a medalha de prata no I Salão Jorge de Lima de Artes Visuais-Sest/Senat-2000. Confeccionou o painel "O baile de máscaras", do Ballet Eliana Cavalcanti, em 2000. Produziu, em 2006, o cenário do show da artista Nara Cordeiro para o projeto Teatro Deodoro É o Maior Barato. E, em 2008, o cenário do I Festival de Música do IZP.

O artista diz ter a necessidade de tridimensionar seu trabalho. Para isso, desenvolve trabalhos em parceria com alguns arquitetos alagoanos e tem feito esculturas em grandes dimensões na técnica da papietagem, com formas mais abstratas. Em seu mais recente trabalho, coordenou a pintura dos 284 metros do muro branco da empresa Algás, no bairro Gruta de Lourdes, junto com 21 crianças e adolescentes do projeto “Sua Majestade, o Circo”.


Deixe seu comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.