Postado em 12/11/2009 às 14:01 por Redação em Polícia 0

Presos confessam participação em tentativa de assalto à Caixa, que resultou na morte de policial e vigliante

Informação foi confirmada pelo delegado Paulo Cerqueira




Por Redação

O delegado Paulo Cerqueira confirmou, agora há pouco, que os três homens presos, acusados de participar da tentativa de assalto à agência da Caixa Econômica, confessaram que participaram da ação criminosa, que terminou com a morte do policial civil Anderson Lima e do vigilante Aldersandro Pereira. Dois deles foram presos ainda pela manhã e o outro à tarde.

“Alem de eles terem confessado, temos as filmagens e testemunhas que reconheceram”, disse Cerqueira à reportagem do CadaMinuto. O delegado acrescentou que os presos estão sendo ouvidos pela delegada Ana Luiza e devem ser levados para uma das delegacias de plantão de Maceió.

O crime

A tentativa de assalto a Caixa Econômica, localizada na Rua do Sol, no Centro de Maceió, ocorreu por volta das 9horas quando homens armados invadiram o local. A ação aconteceu no momento em que um carro-forte abastecia os caixas eletrônicos do local. Durante a ação, houve troca de tiros entre vigilantes do banco e bandidos.

Santos, vigilante da empresa de transporte de valores Nordeste Segurança, foi atingido com um tiro na nuca, já o policial civil do Tigre foi baleado na testa. Ambos foram encaminhados para o Hospital Geral do Estado (HGE).

O segurança foi baleado ainda na agência, já o policial foi atingido quando saiu em perseguição aos bandidos, nas proximidades da Ladeira do Brito.

 


Deixe seu comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.